Prefeituras no AM gastam mais de R$ 25,5 milhões com pavimentação

Enquanto Coari, que possui uma população bem maior, vai gastar R$ 5,5 milhões, Humaitá pretende desembolsar R$ 20 milhões

Com a justificativa de trazer melhor mobilidade urbana para a população, os prefeitos do interior do Amazonas assinam contratos milionários com empresas para pavimentação asfáltica dos municípios. Mas, a diferença de valores firmados chama a atenção, enquanto Coari que possui o número de população bem maior, vai gastar mais de R$ 5,5 milhões, o município de Humaitá pretende desembolsar R$ 20 milhões.

Contratos

Na publicação do último dia 4 de agosto do Diário Oficial dos Municípios do Estado do Amazonas (DOM-AM), a prefeita de Coari em exercício, Laura Macedo Coelho, homologou contratos referente a construção de meio fio e sarjeta em logradouros públicos, pavimentação, entre outros serviços. A prefeita do município é Maria Ducirene da Cruz Menezes.

Valores

Com a população estimada do município de Coari, segundo o censo do IBGE em 2020, é de 85.910 habitantes. Levantamento realizado por esta coluna, verificou que foram mais de seis contratos firmados pela Prefeitura Municipal de Coari, que juntos somam mais de R$ 5,5 milhões.

Pavimentação

A Prefeitura de Humaitá, homologou no último dia 5 de agosto deste ano, no DOM-AM, um contrato milionário, referente a Concorrência nº 002/2021 para “recuperação do sistema viário, com execução dos serviços de pavimentação, calçada e drenagem urbana no município com drenagem urbana”, consta na publicação. Segundo o último censo do IBGE de 2020, o município de Humaitá possui 56.144 habitantes em 2020.

Milhões em asfalto

O documento assinado pelo presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL), Edivan Pereira Souza, traz o valor exorbitante de R$ 20,4 milhões para a realização das obras de pavimentação, mas sem os preços discriminados dos serviços. Para ter acesso aos processos referente a obra, a publicação diz que os mesmos estão disponíveis para conhecimento na Prefeitura de Humaitá.

Custos dos contratos

Os contratos firmados pelas Prefeituras mostram a diferença escancarada praticada nos municípios, enquanto Coari pretende gastar cerca de R$ 5,5 milhões em obras de pavimentação dividia em vários processos, Humaitá tem o custo de obra quatro vezes maior, apesar de ter uma população bem menor.

*Apresentador do programa AMAZONAS DIÁRIO

Anúncio