Secretária da Semasc denunciada por corrupção contratou prima com salário de R$ 5 mil

Apesar de não ser ilegal, a contratação de parentes próximos em cargos comissionados no Executivo ou Legislativo, se torna imoral

Como diz o velho ditado ‘onde tem fumaça, tem fogo’, mais uma denúncia envolve a gestora da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania de Manaus (Semasc). Segundo fontes, uma servidora da Semasc é apontada como prima da secretária Jane Mara Silva de Moraes, que supostamente está envolvida em esquema de corrupção na compra e distribuição de cestas básicas com produtos vencidos a famílias em vulnerabilidade social.

Tudo em família

Segundo a denúncia, a servidora da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania de Manaus (Semasc), identificada como Paula J T M, seria a prima da própria secretária Jane Mara Silva de Moraes, denunciada nesta semana pelo vereador de Manaus, Amom Mandel (sem partido), por suposto crime de corrupção na compra e distribuição de 15 mil cestas básicas com produtos vencidos, as famílias cadastradas no Centros de Referência de Assistência Social (Cras).

Secretaria

Apesar de não ser ilegal, a contratação de parentes próximos em cargos comissionados no Executivo ou Legislativo, se torna imoral. O mais curioso, segundo a fonte, é que apesar da prima Paula J T M estar lotada na Semasc, o nome da mesma não aparece na folha completa da secretaria. “As informações da servidora estão, portanto, parcialmente ocultas no portal da transparência, um erro suspeito que levanta a luz amarela para um caso que muito se assemelha às práticas de nepotismo e advocacia administrativa, uma vez que a servidora é parente da secretária e assessora do gabinete ao mesmo tempo”, relatou a fonte.

Buscas

No Portal da Transparência do Amazonas, ao pesquisar na opção ‘Folha de Pagamento’ com o nome completo da servidora apontada como prima da secretária, é possível identificar todos os pagamentos. De acordo com o documento, Paula está lotada na Semasc como comissionada e matrícula 1*7.1*-4, no cargo de Chefe de Divisão pertencente ao Gabinete do Secretário, recebendo mais de R$ 5 mil por mês.

Nomeação

No Diário Oficial de Manaus, publicado no dia 16 de janeiro de 2021, é possível localizar a nomeação da prima da secretária da Semasc. “Considerar nomeados, a contar de 1º de janeiro, nos termos do Estado do Servidores Públicos do Município de Manaus, os servidores identificados para exercerem cargos em comissão, integrando a estrutura organizacional da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc)”, na publicação várias pessoas foram nomeadas, inclusive Paula.

Corrupção

Após revelar a suposta corrupção no contrato de R$ 2,1 milhões da Semasc com a empresa T R do Nascimento Fornecimento de Alimentos Eireli que forneceu as cestas básicas vencidas e com menos itens do que o licitado, o vereador Amom Mandel solicitou o afastamento da secretárias e outros servidores supostamente envolvidos, para que sejam realizadas as investigações sobre o caso, sem qualquer tipo de interferência ou assédio moral.

 

*Apresentador do programa AMAZONAS DIÁRIO

Anúncio