Sem funcionar, Detran empenhou quase R$ 1 milhão para impressão de CNH em fevereiro

Quais são as prioridades do governo de Wilson Lima que não consegue comprar vacina, mas empenha quantias de dinheiro em serviços que já possuem modalidade online?

Manaus – Mesmo com os serviços presenciais suspensos por conta da pandemia de Covid-19, o Governo do Amazonas empenhou quase R$ 1 milhão em fevereiro para impressão de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para a empresa que presta serviços ao Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran). Esta coluna já denunciou diversas vezes as condutas equivocadas do órgão de trânsito que apenas com essa empresa possui mais de R$ 37 milhões empenhados para pagamento. Quais são as prioridades do governo de Wilson Lima que não consegue comprar vacina contra a Covid-19 mas empenha exorbitantes quantias de dinheiro em serviços que já possuem modalidade online?

Portas fechadas

No início desde ano por conta do avanço da pandemia de Covid-19, o Detran/AM divulgou em seu site oficial que em razão do Decreto nº 43.271 suspendeu todos os atendimentos presenciais até o dia 31 de janeiro. Somente serviços emergenciais, como apresentação de condutor infrator e liberação de veículos removidos, continuaram em funcionamento mas somente por agendamento e com a capacidade limitada. No mês de fevereiro, os serviços retornaram de maneira virtual e presencial, apenas através de marcação em caráter de urgência.

CNH

De acordo com o documento de execução de despesa no dia 17 de fevereiro, o Governo do Amazonas por meio do Detran/AM, empenhou um pagamento de R$ 980,8 mil para a empresa Thomas Greg & Sons Ltda. para serviços na área de tecnologia da informação e comunicação (TIC), relacionada aos processos de habilitação e veículo. O empenho é referente ao Pregão Eletrônico (PE) Nº 788/220-CSC, com o valor global estimado de R$ 23,5 milhões.

Contrato milionário

Esta coluna já denunciou no ano passado os valores milionários que a empresa Thomas Greg & Sons Ltda. recebeu em contratos com o Detran/AM. No primeiro ano de gestão do governador Wilson Lima, em 2019, a empresa recebeu o total de R$ 13.114.273,12 milhões. Em 2020, a Thomas Greg tem empenhado R$ 10.299.030,21 milhões, desse montante já foram pagos pelo governo do Amazonas R$ 9.663.472,36 milhões. Apenas em 2021, nesses poucos meses, a empresa já tem empenhado R$ 13.670.835,63 milhões, deste valor, já foram pagos R$ 598.274,96 mil. Ao todo, o governo de Wilson Lima tem empenhado com a empresa mais de R$ 37 milhões.

Equívocos

Em setembro do ano passado, esta coluna denunciou que o Centro de Serviços Compartilhados (CSC) do governo do Amazonas, realizou o Pregão Eletrônico nº 461/2020 para confeccionar CNH que foi dividido em três lotes. Na época, o Lote 1 não foi fechado, apenas o Lote 2 e 3 com as empresas O C Consultoria em Tecnologia Ltda. no valor de R$ 18,5 milhões e IFD Consultoria Administrativa e Econômica Ltda. por R$ 12,1 milhões. Segundo o CNPJ, as duas empresas estão no mesmo edifício, localizado no bairro Adrianópolis. As duas vão faturar mais de R$ 30 milhões com o Detran/AM. A vencedora do Lote 1, no PE nº 788 foi a Thomas Greg & Sons Gráfica e Serviços no valor e R$ 23,5 milhões.