E o nosso direito?

Tive o meu direito de fiscalizar cerceado, fui barrado a mando da alta cúpula do governo, com a finalidade apenas de eu não expor a realidade sofrível dos hospitais

Manaus – Quando me tornei deputado estadual, com a missão de defender o povo, fiz questão de fiscalizar hospitais com intuito de ver a dinâmica das unidades e o trato com o paciente. E naquele momento, faltavam remédios e produtos para a saúde. Desde lá, fevereiro, até hoje, dezembro, muita coisa se agravou.

Tive o meu direito de fiscalizar cerceado, fui barrado a mando da alta cúpula do governo, com a finalidade apenas de eu não expor a realidade sofrível dos hospitais. Não me cansei! Retornei novamente, desta vez, ao João Lúcio. E como todos sabem e viram os vídeos compartilhados pelas redes sociais, o João Lúcio e os demais hospitais são verdadeiros hospitais de guerra.

O que ocorre na nossa saúde é uma grande negligência. São 29 crianças mortas por falta de cirurgias cardíacas, mesmo com a justiça obrigando o governo a realizar o procedimento com multa diária. E ainda assim, nada fizeram. Deixaram os nossos pequenos morrerem.

Nunca é demais lembrar. O artigo 196 da nossa Constituição Federal diz: A saúde é direito de todos e dever do Estado, assim como garantir a redução do risco de doença, acesso igualitário, proteção e recuperação.

Caro leitor, não se engane. Isso não vai acabar. Este governo que sempre culpa os governos anteriores, agora em 2019, vai encher os cofres com o valor recorde de quase R$ 19 bilhões. E para onde está indo esse dinheiro? Por que pagar os enfermeiros com seis meses de atraso? São perguntas que não nos respondem.

O sangue das crianças cardiopatas e de quem perdeu a vida nos hospitais escorre sobre os que se dizem gestores da Susam e do Executivo. Apesar de a intenção deles ser calar a minha voz, eu digo que não irão conseguir.

Posso ser barrado, perseguido, mas nunca covarde. A população está indefesa. Regredir ou retroceder jamais serão nossa marca. Seguiremos firmes, pois ao fim, por maiores que sejam os desafios, a vitória nos alcançará.

*Deputado estadual, economista, mestre em Sustentabilidade e Meio Ambiente e doutorando em Administração

Anúncio