5G: após reunião com Faria, EUA prometem aprofundar cooperação

Ministro das Comunicações lidera comitiva que está em Washington. Ele aposta em leilão da tecnologia ainda em julho

Brasília – Os Estados Unidos afirmaram que querem aprofundar a cooperação econômica e de segurança com o Brasil. Representantes do governo Joe Biden se manifestaram após uma reunião realizada nesta segunda-feira (7) com autoridades brasileiras sobre a tecnologia 5G. A comitiva, que está em Washington nesta semana, é liderada pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria.

“Discussão importante hoje com o ministro das Comunicações @fabiofaria sobre a segurança das telecomunicações e o potencial econômico das redes 5G”, escreveu no Twitter a secretária-adjunta interina para Hemisfério Ocidental do Departamento de Estado americano, Julie Chung. “Valorizamos nossa forte parceria com o Brasil e continuaremos a aprofundar nossa cooperação econômica e de segurança”, acrescentou.

Reunião da comitiva brasileira com representantes do Departamento de Segurança Interna dos EUA, em Washington (Foto: Reprodução/Twitter)

Também presente na reunião, a diplomata americana Marcia Bernicat afirmou que o Brasil é um parceiro “essencial” na defesa da segurança digital em toda a região. Ela atua no Departamento de Estado como autoridade sênior para assuntos de crescimento econômico, energia e meio ambiente.

“Foi bom me encontrar hoje com @fabiofaria para discutir como os EUA e o Brasil podem trabalhar juntos para garantir conectividade 5G segura no país”, escreveu Bernicat no Twitter.

Foto em rede social

Em uma foto da reunião publicada na rede social por Julie Chung, aparecem os senadores Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), Luiz Carlos Heinze (PP-RS) e Ciro Nogueira (PP-PI), além de Fábio Faria.

No Twitter, o ministro das Comunicações também mencionou o encontro em Washington. “Reunião com o Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos. Discutimos a segurança das cadeias de fornecimento do #5G e iniciativas de estímulo ao Open RAN”, escreveu Faria na rede social. No mês passado, ele afirmou que o leilão do 5G no Brasil pode ocorrer ainda no mês de julho deste ano.

Recentemente, Julie Chung fez parte da primeira comitiva do governo Biden à América do Sul. Ela viajou à região ao lado de Juan Gonzalez, diretor sênior para assuntos do Hemisfério Ocidental no Conselho de Segurança Nacional dos EUA. Os enviados do presidente americano visitaram Colômbia, Argentina e Uruguai, onde se reuniram com autoridades locais. O Brasil ficou de fora do itinerário, realizado entre os dias 12 e 16 de abril.

A viagem ocorreu às vésperas da Cúpula do Clima, evento virtual organizado pela Casa Branca do qual participou o presidente Jair Bolsonaro. Naquela semana, os EUA cobraram do governo brasileiro uma posição “clara” contra o desmatamento ilegal no país.

Anúncio