Ao menos 6 pessoas morrem em troca de tiros com policiais no Ceará

As primeiras informações dão conta de que os seis baleados trocaram tiros com policiais militares que os abordaram

Brasília – Ao menos seis pessoas morreram baleadas, na manhã desta quinta-feira (24), em Palmácia, no Ceará. As informações, preliminares, foram confirmadas pela Delegacia Regional de Baturité, município a cerca de 50 quilômetros do local da ocorrência e cujo delegado-chefe, Joel Morais, e equipe, já se encontram em Palmácia.

Após a série de ataques no Ceará, a Força Nacional de Segurança Pública passou a fazer o policiamento ostensivo nas ruas de Fortaleza, em apoio aos agentes de segurança do Estado (Foto: José Cruz/Agência Brasil/Arquivo)

As primeiras informações dão conta de que os seis baleados trocaram tiros com policiais militares que os abordaram. Ainda de acordo com os policiais, os agentes de segurança suspeitaram que o grupo estava cometendo assaltos na cidade.

Policiais também foram feridos durante a troca de tiros, mas a reportagem ainda não conseguiu confirmar quantos e o estado de saúde deles.

Procuradas pela reportagem, a Secretaria Estadual da Segurança Pública e Defesa Social e a Polícia Militar ainda não se pronunciaram sobre a ocorrência. Ainda não se sabe se a ação do grupo tem ligação com a onda de ataques criminosos orquestrados que há 23 dias atinge o Ceará.