Bolsonaro comemora vitórias no Congresso: ‘eu só fiquei na torcida’

Presidente viu seus dois candidatos saírem vitoriosos na segunda-feira (1º): o senador Rodrigo Pacheco e o deputado Arthur Lira

Brasília – O presidente Jair Bolsonaro comemorou nesta terça-feira (2), ao lado de seus apoiadores, as vitórias de seus dois candidatos nas eleições da Câmara e do Senado. “Os parlamentares, no meu entender, escolheram bons candidatos”, disse, e completou: “Eu apenas fiquei na torcida.”

O presidente Jair Bolsonaro. (Foto: © Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O chefe do Executivo defendia Rodrigo Pacheco (DEM-MG) para presidente do Senado e Arthur Lira (PP-AL) para a Câmara. Ambos foram eleitos segunda-feira (1º) no primeiro turno.  As eleições para as Mesas Diretores das duas Casas ocorrem ainda hoje.

Leia mais: Dados de Bolsonaro e ministros do STF estão à venda, após vazamento de CPFs

Bolsonaro falou pouco no cercadinho na frente do Palácio do Alvorada nesta manhã. Comentou com um homem que recolhia em Minas Gerais assinaturas para a formação do Aliança pelo Brasilque dificilmente o partido vai sair do papel.

“Se eu deixar para formar [o Aliança] até o final do ano, aí não vai dar tempo de formar a nominata pelo Brasil, do pessoal que quer disputar [as eleições em 2022]. Aí vou ter que decidir em março por outro partido”, justificou o presidente.

Tirando as poucas aspas, sorriu muito, tirou inúmeros selfies e agradeceu aos gritos de mito e de apoio. Uma mulher afirmou que seu governo começa verdadeiramente a partir de hoje e um fã declarou que ele vai ser eleito no primeiro turno em 2022, “com certeza”.

Anúncio