Em reunião com Moraes, diretor da PRF se compromete a suspender operações

O diretor da PRF prestou esclarecimentos e se comprometeu a suspender as ações

Brasília – O Ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, se reuniu com o diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Silvinei Vasques.

(Foto: Divulgação STF / Instagram)

A reunião aconteceu após denúncias de operações ilegais, que estariam impedindo o deslocamento de eleitores pelo país, especialmente no Nordeste.

O diretor da PRF prestou esclarecimentos e se comprometeu a suspender as ações, para que a votação siga normalmente.

O ministro estabeleceu multa pessoal e horária de R$ 100 mil a Silvinei, caso ele não cumpra a ordem. Além disso, o descumprimento também resultará em afastamento imediato e prisão em flagrante por desobediência e crime eleitoral.

Anúncio