Grávida morre em ambulância após monitor cardíaco cair na cabeça dela em MG

Jovem estava sendo transportada para hospital em Uberaba; Prefeitura informou que vai investigar o caso

Belo Horizonte – A Prefeitura da cidade de Sacramento, a 480 km de Belo Horizonte, abriu um procedimento para investigar o que teria acontecido com uma mulher grávida que morreu na semana passada após ser transportada até o Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro em Uberaba, a 481 km da capital mineira.

(Foto: Reprodução/TV Paraíba)

Kamily Priscila Fernandes de Oliveira, de 20 anos, estava grávida e morreu após ser transportada em uma ambulância da Prefeitura até o Hospital. O monitor que monitora a frequência cardíaca teria caído sobre a cabeça da Kamily durante o percurso. O bebê sobreviveu.

O Secretário de Saúde da cidade informou que a administração municipal abriu um procedimento de investigação para apurar o que teria acontecido. Ele também informou que a grávida já estava em um estado de saúde bastante delicado antes do acidente. Os familiares de Kamily pedem por justiça nas redes sociais.

Anúncio