Pai é acusado de crimes contra filha com paralisia: “Largar no orfanato”; VEJA

Invetsigado pela polícia, o pai ainda chamou os doadores que enviaram dinheiro para a menina de “trouxas”

Goiânia – O influenciador Igor Viana está sendo investigado suspeito de crimes contra a própria filha, uma criança de 2 anos que sofre paralisia cerebral. O homem pede doações nas redes sociais para ajudar a família, porém, segundo a investigação, ele debocha da situação da filha e desvia o dinheiro.

(Foto: Reprodução)

Igor mora com a filha em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Nas redes sociais, o pai compartilha a rotina da filha. Em um áudio que circula na web, o influencer falou em “largar” a criança em um orfanato e ainda chamou os doadores que enviaram dinheiro para a menina de “trouxas”.

O homem também diz que “não é obrigado a usar o dinheiro das doações especificamente com a filha e que ele também tem necessidade de serem supridas”. O pai ainda chegou a dizer que “nunca pensou que uma criança que só tem 10% do cérebro funcionando fosse tão chata e pudesse dar tanto trabalho”.

Segundo a Polícia Civil, caso, os crimes que Igor é investigado forem comprovados, a mãe pode responder também por omissão.

Anúncio