Pfizer envia à Anvisa pedido para liberar dose de reforço para adolescentes

Segundo a agência, o prazo de análise é de 30 dias; farmacêutica também fez solicitação para estender o reforço a crianças

Brasília – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu, nesta sexta-feira (24), o pedido da Pfizer para incluir na bula da sua vacina a indicação da dose de reforço para adolescentes de 12 a 17 anos.

Foto: Lucas Silva/Secom)

Em nota, a agência reguladora afirmou que vai avaliar os dados clínicos apresentados pela farmacêutica e explicou que as informações devem comprovar o benefício da dose adicional para a faixa etária.

Segundo a Anvisa, o prazo de análise para a solicitação é de 30 dias.

A Pfizer já havia solicitado, em 20 de junho, a inclusão da dose de reforço para crianças de 5 a 11 anos. Atualmente, o reforço da vacina já está liberado para maiores de 18 anos, mas a recomendação do Ministério da Saúde contempla a faixa etária acima dos 40 anos.

Anúncio