Saiba se seu CPF está entre os 223 milhões vazados na última semana

Para saber se foi afetado pela falha de segurança, um novo site permite realizar essa verificação rapidamente

Manaus – Dois grandes vazamentos de dados expuseram informações de 223 milhões de brasileiros recentemente, incluindo e-mail, telefone, informações fiscais e CPF.

a consulta por CPF permite verificar quais dados foram vazados.(Foto: Márcio Fernandes/Estadão)

De acordo com Olhar Digital, para saber se foi afetado pela falha de segurança, um novo site permite realizar essa verificação rapidamente.

Chamado de FuiVazado, a plataforma foi criada pelo desenvolvedor Allan Fernando. De maneira simples e rápida, o site permite que o usuário verifique se dados pessoais apareceram em um dos vazamentos. O site contudo, carece de alguns elementos de transparência.

O código fonte da página, por exemplo, não é aberto, impedindo a conferência de seu funcionamento real por terceiros. Ele também requer que o internauta digite sua data de nascimento junto com o CPF para conferir se a pessoa foi afetada pelo vazamento, quando apenas o CPF seria o suficiente.

Essas questões estão sendo apuradas e novidades chegarão em breve. A verificação só exige o número do CPF e data de nascimento acessando o Fui Vazado.

O usuário precisa adicionar o número do CPF e data de nascimento nos campos em branco, além de realizar uma verificação no estilo Captcha. Graças ao grande volumes de acesso, o site está enfrentando instabilidades atualmente, mas a tendência é que a plataforma volte a funcionar normalmente em breve.

O site é seguro?

De acordo com Allan Fernando, o site apenas bate as informações fornecidas pelo usuário com os detalhes encontrados nos bancos de dados vazados. O Fui Vazado! também não guarda as credenciais utilizadas na verificação, segundo ele. Mas é justamente o fato de não termos um código aberto para conferência que tem levantado dúvidas sobre esse recurso de busca de CPF.

Leia mais: Telegram chega a 500 milhões de usuários após WhatsApp anunciar nova política de privacidade

Segundo o Tecnoblog, a consulta por CPF permite verificar quais dados foram vazados. A consulta por CPF permite verificar quais dados foram vazados.

A plataforma não exige qualquer forma de login e, segundo o desenvolvedor, os únicos dados que ficam armazenamentos são as informações de acesso geradas pelo Cloudfare.

Verificar CNPJ

O Fui Vazado também conta com uma indicação para quem possui uma empresa e quer verificar se informações da companhia também foram comprometidas. Os bancos de dados que estão rolando na internet incluem informações de aproximadamente 40 milhões de negócios.

Se você é empresário, é possível verificar se os dados do seu negócio estão nos vazamentos por meio do site Syhunt, desenvolvido pela firma de segurança de mesmo nome. O procedimento exige apenas o número do CNPJ de sua empresa.

Anúncio