Suspeita de agredir entregadores é indiciada por lesão corporal contra a mãe

O caso era investigado pela 14ª DP (Leblon) desde novembro do ano passado

Rio de Janeiro- Investigada por agressões a entregadores de aplicativo em São Conrado, na zona sul do Rio, a ex-jogadora de vôlei e nutricionista Sandra Mathias Correia de Sá, de 53 anos, foi indiciada na última quarta-feira (19) pelo crime de lesão corporal contra a mãe.

(Foto: Divulgação)

O caso era investigado pela 14ª DP (Leblon) desde novembro do ano passado. Segundo a delegada Daniela Terra, a vítima procurou a delegacia e fez um registro de ocorrência por ter sido agredida pela filha.

“Nós apuramos, ouvimos testemunhas e encaminhamos a mãe da Sandra para o exame de corpo de delito, que voltou com laudo positivo, com apuração contundente, o que demonstra claramente que ela foi agredida”, explicou.

A delegada disse que entre as testemunhas estava o porteiro do prédio em que mora a família. Inicialmente, ele foi apresentado como testemunha de Sandra, mas, na delegacia, saiu em defesa da vítima.

“Ele disse que Sandra Mathias vivia em confronto com a mãe. Que [elas] sempre tiveram discussões e que ele presenciou [a agressão], inclusive”, relatou.

Ainda de acordo com Daniela Terra, o inquérito foi concluído com o indiciamento pelo crime de lesão corporal, com o agravante de a vítima ser mãe, mulher e idosa.

Já a investigação sobre as agressões a entregadores de aplicativos, que foram flagradas em um vídeo, está em andamento na 15ª DP (Gávea).

Anúncio