Vídeo mostra membro de facção sendo executado a tiros dentro de hospital; veja

Nas imagens é possível ver o desespero das pessoas para se proteger dos tiros

São Luís –  Adeilson Miranda Oliveira foi morto a tiros dentro de um hospital em São Luis, no Maranhão, na tarde deste domingo (9). O crime aconteceu por volta das 15h, no Hospital Municipal de São José de Ribamarma.  Segundo a polícia, ele integrava uma facção criminosa e foi morto por um rival. As informações são do site O Estado.

As câmeras de segurança do hospital registraram toda a ação criminosa. Adeilson Miranda, também conhecido como ‘Mata Gato’, estava sentado do lado de fora do hospital, quando três homens armados chegaram ao local e atiraram várias vezes contra ele.

Adeilson correu para dentro da unidade, mas foi atingido por diversos tiros. Após o crime, os assassinos fugiram. Ainda nas imagens é possível ver o desespero das pessoas para se protegerem dos tiros. O balcão de atendimento caiu devido o susto dos atendentes.

Segundo informações da Polícia Civil, ‘Mata Gato’ já tinha uma ficha criminal por diversos crimes praticados, como tráfico de drogas, porte de arma de fogo de uso restrito com tráfico de drogas e associação criminosa, roubo na forma tentada e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Equipes da Polícia Militar do Maranhão (PMMA) e da Polícia Civil atenderam a ocorrência. O caso deve ser investigado pela Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP).

Veja vídeo:

Anúncio