“X-9 DO TRÁFICO”: mulher é morta e tem corpo queimado após trair facção; VEJA

Dois homens, de 18 e 19 anos, foram presos, e um adolescente, 17, apreendido, suspeitos do crime

Rio de Janeiro – Uma mulher, não identificada, foi assassinada e teve o corpo queimado acusada de estar atuando como “X-9 do tráfico”. Dois homens, de 18 e 19 anos, foram presos, e um adolescente, 17, apreendido, suspeitos do crime.

(Foto: Reprodução)

O caso aconteceu em Resende, no Rio de Janeiro, na madrugada da última quarta-feira (28). A Polícia Civil informou que a mulher estaria passando informações da localização de integrantes de uma facção criminosa para que membros de uma organização rival pudessem matá-los.

Após uma ligação da vítima, os suspeitos perceberam a ação dela e a morte da mulher foi decretada. Ainda segundo a polícia, a vítima disse que queria usar drogas e foi nesse momento que os suspeitos aproveitaram para matá-la.

Eles entraram em um carro e um dos homens passou a corda no pescoço da mulher e outro ajudou a enforcá-la até a morte. O terceiro envolvido estava dirigindo o carro.

Anúncio