Cientistas tentam desvendar mistérios do boto cor-de-rosa

Cientistas do grupo ambiental global WWF e da ONG boliviana Faunagua rastrearam quatro botos no Rio Ichilo usando tecnologia de satélite

Manaus – Pescadores que antes cobiçavam o boto-cor-de-rosa estão trabalhando com pesquisadores na floresta amazônica da Bolívia em uma iniciativa de alta tecnologia para tentar garantir a sobrevivência da espécie. Cientistas do grupo ambiental global WWF e da ONG boliviana Faunagua rastrearam quatro botos no Rio Ichilo usando tecnologia de satélite que permite que pescadores usem um aplicativo de celular para comunicar suas localidades.

Foto: Evandro Rocha/ICMBio

Seminário

O Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal do Amazonas realiza o ‘Seminário 10 anos de Ações Afirmativas’ na próxima semana, dias 30 de setembro e 1º de outubro, em em transmissão pelo canal da revista Wamon no YouTube.

Violência

A Escola Superior de Magistratura do Amazonas (Esmam), promoverá na segunda-feira 27, uma live abordando a temática ‘Violência Sexual de Crianças e Adolescentes’.

Homenagem

A Assembleia Legislativa do Estado (ALE) concedeu a Medalha Ruy Araújo aos subprocuradores-gerais da República do Ministério Público Federal, Carlos Frederico Santos e Ana Borges Coêlho Santos. De autoria do deputado Saullo Vianna (PTB), a solenidade ainda entregou o título de Cidadã do Amazonas à subprocuradora e foi presidida pelo deputado Roberto Cidade.

blank

Meio ambiente Desde o dia 7 de setembro, equipes do ICMBio e do Ibama contam com o apoio de militares do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal e de Goiás, além de voluntários, para combater os incêndios na Chapada dos Veadeiros (GO) (Foto: Evandro Rocha/ICMBio)

Anúncio