Datas do Enem devem ser mantidas, garante presidente do Inep

O exame, que estava inicialmente agendado para outubro e novembro do ano passado, foi adiado após uma série de protestos virtuais

Brasília- O presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes, disse, nesta quinta-feira (7), que o cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deve ser mantido e que as provas não serão adiadas por causa da pandemia do novo coronavírus. O exame, que estava inicialmente agendado para outubro e novembro do ano passado, foi adiado após uma série de protestos virtuais.

Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Máscaras

O deputado estadual Fausto Jr. (MDB) propos a ampliação da aquisição de máscaras confeccionadas por costureiras do Amazonas. O objetivo é incentivar as costureiras na capital e interior.

Tragédia

Com posse marcada para esta sexta-feira (8), o presidente eleito da Associação Médica Brasileira, César Eduardo Fernandes, em nota, comenta a tragédia na saúde. “Vemos, consternados, o Brasil bater a marca de 200 mil mortes por Covid-19 (…) Colegas médicos foram à óbito e boa parte se encontra exausta”.

Luz

Fernandes alerta: “Tememos pelo esgotamento do nosso sistema de saúde (…) Precisamos de uma luz no fundo do túnel. Essa luz vem da vacinação de toda a população e da manutenção das medidas de isolamento social”.

blank

O Brasil conta com 100,1 milhões de leitores, em um universo de mais de 200 milhões de habitantes, e esse grupo vem diminuindo. De acordo com a última edição da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, com dados de 2019, registrou-se uma diferença de 4,6 milhões de pessoas em relação a 2015 (Foto: Divulgação)