Demissão de Pedro Parente teve elogios e comemorações

Parente foi acusado por parlamentares oposicionistas e petroleiros de atuar em favor de grupos estrangeiros, mas recebia elogios de governistas por ter sanado as contas da empresa depois das gestões petistas

Manaus – Como acontece em situações de demissão nas altas esferas da República, diversos foram os posicionamentos de pré-candidatos à sucessão presidencial sobre o pedido de demissão apresentado pelo agora ex-presidente da Petrobras Pedro Parente. Mantido por Michel Temer (MDB) mesmo em meio à mais grave crise dos combustíveis dos últimos tempos, que resultou na maior greve dos caminhoneiros da história, Parente foi acusado por parlamentares oposicionistas e petroleiros de atuar em favor de grupos estrangeiros, mas recebia elogios de governistas por ter sanado as contas da empresa depois das gestões petistas. Presidente da Câmara e presidenciável do DEM, Rodrigo Maia (DEM) disse que a demissão de Parente era o que a sociedade esperava. Mas, de certa forma, o deputado lamentou a saída do gestor. Teve comemoração do lado de quem não concordava com a política de preços de Parente, que determinava reajuste de acordo com a variação do câmbio e do preço internacional do barril de petróleo, ambos em alta, como Ciro Gomes (PDT).

Receita Federal

As atenções da bancada federal e da indústria de concentrados do Polo de Manaus se voltam para o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, que deve apresentar uma alternativa, na terça-feira, para evitar prejuízos ao setor após a redução da alíquota do crédito tributário do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para compensar a desoneração do diesel.

Divulgação

A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Manaus (CMM) apresentou proposta para proibir a divulgação de atividade parlamentar nos 120 dias anteriores à data das eleições, no âmbito federal, estadual ou municipal, salvo se o vereador não for candidato à eleição.

Odontologia

A Prefeitura de Benjamin Constant publicou um termo de contrato com a empresa E. M. Craveiro Odontologia para locação de unidade móvel odontológica equipada para o atendimento às necessidades da Secretaria de Saúde daquele município ao custo de R$ 120 mil pelo período de 12 meses.

Lesionados

A cidade de Manaus registrou 14.374 acidentes de vítimas lesionadas durante todo o ano de 2017, segundo os últimos dados divulgados pelo Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran).

Anúncio