Em seminário, TSE mostra como organizou as Eleições 2020

Este ano, o ingrediente especial foi proteger a população da pandemia provocada pelo coronavírus, antes e na hora de votar

Brasília – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) organizou seminário nesta sexta-feira (13) para convidados estrangeiros, apresentando as estratégias de combate à desinformação e a tecnologia empregada nas Eleições Municipais de 2020. Este ano, o ingrediente especial foi proteger a população da pandemia provocada pelo coronavírus, antes e na hora de votar. Houve ênfase no diálogo com profissionais das Ciências e do Direito e do Poder Legislativo.

Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE

Proteção

Para combater práticas de corrupção nos órgãos públicos estaduais, tramita na Assembleia Legislativa do Estado (ALE) projeto de lei que estabelece medidas de valorização e proteção de todo servidor público estadual quando este verificar e denunciar, no exercício de duas atribuições, atos suspeitos sobre a prática de corrupção.

Conciliação

A corregedora-geral de Justiça do Amazonas, desembargadora Nélia Caminha e o coordenador-geral dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais do Amazonas, desembargador José Hamilton Saraiva dos Santos, reuniram-se com juízes que atuam nos Juizados Especiais da capital e do interior, fornecendo instruções para o desenvolvimento das audiências da ‘Semana Nacional da Conciliação’, que ocorrerá entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro deste ano.

Evento

O Hospital Universitário Getúlio Vargas realizará, no período de 2 a 4 de dezembro. a 9ª Jornada de Saúde da Amazônia Ocidental com o tema: ‘Saúde e Inovação’.

Plano Nacional de Resíduos Sólidos foi tema de audiência na sexta-feira (13). Previsto em lei, propõe metas para a melhoria da gestão de resíduos sólidos no Brasil, fornecendo diretrizes a serem seguidas e alcançadas com responsabilidade compartilhada (Foto: Divulgação/ABr)

Anúncio