Ministério da defesa apresenta reforço para eleições deste ano

Até agora, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já permitiu a presença das Forças Armadas em 370 localidades de sete Estados. O Amazonas terá apoio logístico do Ministério

Manaus – Mais de 26 mil militares irão garantir a segurança das eleições de 2018, informa o Ministério da Defesa. Até agora, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já permitiu a presença das Forças Armadas em 370 localidades de sete Estados: Acre (11 localidades); Ceará (5); Maranhão (72); Mato Grosso do Sul (4); Piauí (112); Rio de Janeiro (69) e Rio Grande do Norte (97). O Amazonas terá apoio logístico do Ministério.

Mais de 26 mil militares irão garantir a segurança das eleições de 2018, conforme o Ministério da Defesa. (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Paridade de gênero

Mais da metade dos brasileiros defende a paridade de gênero nos Legislativo do País. É o que mostra uma pesquisa divulgada nesta sexta-feira, 14, pelo Ibope, em parceria com a ONU Mulheres e o Instituto Patrícia Galvão.

Todos os níveis

De acordo com o levantamento, 57% concordam totalmente que a paridade deveria ser obrigatória em todos os níveis do Legislativo. Outros 20% concordam em parte, segundo a pesquisa.

Assessoramento

A diplomata Helena Gasparian deixou de assessorar o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, após quatro anos. Helena, que cuidava dos compromissos internacionais do tucano, voltará a trabalhar no Itamaraty.

blank

O visto dos profissionais que trabalham nos navios em viagem de longo curso foi prolongado para 180 dias, no Brasil. A decisão integra o Decreto Presidencial nº 9.500 e foi publicada no Diário Oficial da União da última terça-feira (11). (Foto: Divulgação)

Anúncio