MPF obtém mais de R$ 316 mi em indenização por desmatamentos

Esse é o valor das indenizações impostas até agora pela Justiça Federal

Mais de R$ 316 milhões terão que ser pagos pelos responsáveis por desmatamentos ilegais identifi-cados pelo Ministério Público Federal (MPF) na Amazônia brasileira, de 2017 para cá. Esse é o valor das indenizações impostas até agora pela Justiça Federal aos condenados nas ações civis públicas no âmbito do projeto Amazônia Protege. Os valores buscam reparar os danos materiais e morais causados ao meio ambiente e à coletividade. O projeto utiliza a tecnologia de monitoramento por satélite para identificar e responsabilizar na esfera civil os autores de desmatamentos ilegais na Flo-resta Amazônica, no intuito de reparar danos e preservar o bioma. As três fases do projeto já desen-volvidas resultaram no ajuizamento de mais de 3,5 mil ações contra os responsáveis pela retirada irregular de vegetação em áreas superiores a 60 hectares, registradas pelo Projeto de Monitoramen-to do Desflorestamento.

Gastos
A Câmara Municipal de Boa Vista do Ramos, cidade com 19 mil habitantes, contratou a empresa F. B. Pereira Ltda., para prestar serviços de buffet para coffee break e coquetel para solenidades ofici-ais a serem promovidas pela Câmara daquele município ao custo de R$ 25 mil.

Queimadas
O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) participou do Workshop de avaliação da Operação Tamoiotatá III na Escola Superior de Direito – UEA. O Instituto apresentou os resultados da aplicação de tecnologias para o combate ao desmatamento e queimadas ilegais.

Bicicletário

Ciclistas de Manaus reuniram para as atividades de inauguração do bicicletário do Tribunal Regio-nal do Trabalho da 11ª Região (AM/RR) na sede do tribunal. A programação do evento ocorre em homenagem à artista circense venezuelana, Julieta Hernandéz, assassinada em dezembro, em via-gem pelo Amazonas.

Nomeações
O Tribunal de Justiça do Amazonas nomeou mais 12 candidatos aprovados no concurso público do Edital n.º 01/2019-PTJ, para ocuparem vagas em cargos de nível Superior e Médio na instituição. Os atos de nomeação foram assinados pela presidente da Corte, desembargadora Nélia Caminha Jor-ge.

Liderança

A deputada Érika Hilton foi escolhida como nova líder da Federação PSOL-Rede no Congresso Na-cional. A parlamentar se tornou a primeira pessoa transexual a liderar uma bancada na Câmara.

TCE aprova a criação da Ouvidoria da Mulher no Tribunal

blank

(Foto: Divulgação/TCE)

Após iniciativa da presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE), conselheira Yara Amazônia Lins, o Pleno aprovou, ontem, a criação da Ouvidoria da Mulher no âmbito da Corte de Contas. O assunto foi colocado para discussão durante a reunião plenária e aprovado por unanimidade pelos membros.

blank

(Foto: Divulgação Fiocruz)

O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, decretou epidemia de dengue no estado carioca. O estado já registrou mais de 49 mil casos de dengue e quatro óbitos em 2024.

Anúncio