MPF recomenda melhoria de saúde em terra Yanomami

Apesar de ter recebido mais de R$ 190 milhões para assistência à saúde nos últimos dois anos, o território indígena registrou piora acelerada dos indicadores de saúde

Ministério Público Federal (MPF) emitiu recomendação ao Ministério da Saúde para que os órgãos reestruturem o atendimento à saúde aos povos da Terra Indígena Yanomami. Apesar de ter recebido mais de R$ 190 milhões para assistência à saúde nos últimos dois anos, o território indígena, localizado nos estados do Amazonas e Roraima, registrou piora acelerada dos indicadores de saúde. A recomendação exige que seja apresentada, em até 90 dias, um plano de reestruturação da assistência básica de saúde. Gestores deverão redimensionar o quadro de profissionais de saúde, desenvolver planos de ação para malária, subnutrição e mortalidade infantil, contratar empresa de transporte aéreo com horas de voo suficientes para atender todo o território e criar um subdistrito para atender as comunidades, mediante consulta aos Yanomami. Caso as mudanças não sejam implementadas no prazo de 90 dias, o MPF recomenda a intervenção do ministro da Saúde na Sesai e no Dsei para que o próprio ministério passe a gerir a saúde Yanomami.

Crime ambiental

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) recebeu, ontem, denúncia do Ministério Público do Estado contra o prefeito de Guajará, Ordean Gonzaga da Silva, pela prática de crimes ambientais, com o lançamento e disposição final de resíduos sólidos da população em local inadequado e a céu aberto.

Interdição 1

O segundo andar da sede da Câmara Municipal de Manaus (CMM) foi interditado parcialmente, ontem, em consequência dos estragos causados pelas fortes chuvas que caíram na última segunda-feira, 15.

Interdição 2

A decisão foi tomada pelo presidente da Casa, vereador David Reis (Avante), após reunião com técnicos da Defesa Civil Municipal e da Diretoria de Engenharia do parlamento.

Saúde

O vereador Luis Mitoso (PTB) realizou Tribuna Popular na Câmara Municipal de Manaus, para tratar sobre a saúde do homem, com o tema: ‘Saúde do Homem, cuidar de si é viver’. O parlamentar que é autor de lei que instituiu no calendário oficial de Manaus o ‘Novembro Azul’.

Anúncio