ONU: 931 milhões de toneladas de alimentos foram para o lixo em 2019

O montante de lixo equivale a 23 milhões de caminhões de 40 toneladas carregados, o suficiente para circundar a Terra sete vezes

Brasília – Cerca de 931 milhões de toneladas de alimentos – 17% do total disponível aos consumidores em 2019 – foram para o lixo de residências, do comércio varejista, de restaurantes e de outros serviços alimentares, segundo pesquisa da Organização das Nações Unidas (ONU). O montante equivale a 23 milhões de caminhões de 40 toneladas carregados, o que, segundo a entidade, seria suficiente para circundar a Terra sete vezes.

Foto: Arquivo / Fernando Frazão / Agência Brasil)

Petrobras

A Comissão de Geodiversidade, Recursos Hídricos, Minas, Gás, Energia e Saneamento da Assembleia Legislativa, em conjunto com o Sindicato dos Petroleiros do Amazonas (Sindipetro), realizou uma Audiência Pública virtual que debateu as consequências da privatização das unidades da Petrobras no Amazonas.

Prisão 1

A Procuradoria-Geral da República (PGR) se manifestou contra a soltura do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, em um pedido de habeas corpus feito pela defesa do ex-deputado ao Supremo Tribunal Federal.

Prisão 2

No documento, a Subprocuradora-Geral da República, Lindôra Araújo, afirma que Cunha é líder de uma “sofisticada organização criminosa”.

blank

Em 2021, o governo federal planeja conceder mais de 50 ativos à iniciativa privada, por meio de concessões, privatizações e renovações, em todos os modais. Um dos focos do Ministério da Infraestrutura neste ano é o setor ferroviário (Foto: Divulgação/PPI)

Anúncio