Petrobras oferece bolsa de até R$ 2 mil a estagiários

O valor da bolsa auxílio dos cursos técnicos é de R$ 1.366,70 para quatro horas diárias, enquanto para cursos superiores é de R$ 1.582,70 para quatro horas diárias e de R$ 1.930,70 para seis horas diárias

Manaus – Terminam nesta sexta-feira (28) as inscrições para concorrer a uma das 200 vagas de estágio na Petrobras, em todo o País. As oportunidades são para estudantes do nível Técnico e Superior com bolsas de até R$ 2 mil. Em Manaus, as vagas são para o cursos Técnicos em Administração, Contabilidade, Gestão, Informática, Manutenção, Mecânica e em Segurança do Trabalho. Para os cursos superiores, as oportunidades são em Administração de Empresas, Direito, Engenharia Mecânica e Engenharia Mecatrônica. O valor da bolsa auxílio dos cursos técnicos é de R$ 1.366,70 para quatro horas diárias, enquanto para cursos superiores é de R$ 1.582,70 para quatro horas diárias e de R$ 1.930,70 para seis horas diárias. Nos valores já estão inclusos o auxílio para transporte e alimentação. O estagiário também terá direito a um seguro contra acidentes pessoais. As inscrições poderão ser realizadas até esta sexta-feira, apenas pela internet, através do formulário eletrônico disponibilizado no site da Petrobras.

Promoções

O governador Amazonino Mendes tem aproveitado o final do mandato para atender pleito dos policiais militares e bombeiros militares do Amazonas de promover estes profissionais por bravura ou por antiguidade.

Repercussão

As promoções realizadas pelo governador Amazonino Mendes estão sendo alvo de elogios em grupos de WhatsApp formado por militares do Estado.

Cetam

Aconteceu, nesta quinta-feira (27), no Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) o lançamento do Plano Estratégico 2019-2028. O lançamento foi feito pelo diretor-presidente José Augusto de Melo Neto, com a participação de servidores da instituição de qualificação.

Formol

Os vereadores de Manaus discutem, na Câmara Municipal de Manaus (CMM), projeto de lei que obriga salões de beleza de Manaus a afixarem letreiro de forma legível com os dizeres: “O formol é considerado cancerígeno pela Organização Mundial de Saúde”.