Presidente do TSE pede eleição livre no País

Nas redes sociais, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, pediu que sejam garantidas no País “eleições livres, limpas e seguras”

Brasília – Em publicação nas redes sociais neste 7 de setembro, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, pediu que sejam garantidas no País “eleições livres, limpas e seguras”. Barroso, que é ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), defendeu ainda que não haja “volta ao passado”. Na publicação, o presidente do TSE destacou que é preciso haver espaço para todos no País: “Brancos, negros e indígenas. Civis e militares. Liberais, conservadores e progressistas”, escreveu. O ministro do STF Alexandre de Moraes também se manifestou nas redes sociais por ocasião do Dia da Independência. “Nesse Sete de Setembro, comemoramos nossa Independência, que garantiu nossa Liberdade e que somente se fortalece com absoluto respeito a Democracia”, escreveu Moraes. O feriado do Dia da Independência é marcado por atos contrários e favoráveis ao governo federal em várias cidades brasileiras. Em Brasília, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro se reuniram na Esplanada dos Ministérios.

Influência

O discurso duro do presidente Jair Bolsonaro, na Avenida Paulista, em São Paulo, inflamou manifestantes dos atos em Manaus que passaram a cobrar com mais afinco o afastamento de ministros do Supremo Tribunal Federal.

Atos

A presença de caminhoneiros e motoqueiros nos atos de Manaus foi muito bem recebida e mostrou ainda mais força desses grupos da sociedade entre os manifestantes.

‘Boneco’

Símbolo dos principais atos no País, Manaus também contou com um boneco inflável representando o presidente Jair Bolsonaro. O objeto esteve instalado na Praça do Congresso, no Centro de Manaus.

Saúde

A Prefeitura de Autazes (a 108 quilômetros de Manaus), por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e a Associação de Saúde Nacional dos Olhos (Asno), realiza a Semana da Saúde Visual, que pretende atender mais de mil pessoas.08

Anúncio