Senado aprova MP sobre reembolso e remarcação de voos

A MP também trata do oferecimento de créditos para voos posteriores

(Foto: Rovena Rosa/ABr)

Manaus – Senado aprovou, na quarta-feira (15), Medida Provisória que permite às empresas aéreas reembolsarem os clientes que cancelaram passagens aéreas por causa da pandemia do novo coronavírus. A MP também trata do oferecimento de créditos para voos posteriores. Os clientes cujos voos foram, ou ainda serão cancelados até 31 de dezembro deste ano, poderão obter o dinheiro de volta em até 12 meses a contar da data do bilhete cancelado.

Testes

O prefeito de Nhamundá, Gledson Hadson Paulain Machado, autorizou a contratação direta, via processo de dispensa de licitação, da empresa Consturb – Comércio de Material de Construção, pelo valor de R$ 370 mil. A contratação visa aquisição de testes rápidos para Covid-19.

Projeto social

Com a ajuda de líderes do centrão, Paulo Guedes (Economia) ensaia argumentos para diminuir a aversão de congressistas à contribuição sobre transações financeiras, tentando fugir do estigma da volta da CPMF. A ideia é que a nova contribuição ajude a bancar o projeto social do governo, o Renda Brasil.

Atividade

Representante da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação do Ministério da Saúde foi criticado, na quarta-feira (14), na Câmara dos Deputados, por não levar dados, nem ter feito uma apresentação sobre os trabalhos do ministério.

Anúncio
Anúncio