Governador diz que 80% da população no AM será contaminada pelo coronavírus

Wilson Lima também disse durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais, neste domingo (12), que haverá desemprego no Estado por causa da pandemia

Manaus – Diante de um cenário crítico na rede de saúde pública do Amazonas, por conta da pandemia do novo coronavírus, o governador Wilson Lima anunciou na tarde deste domingo (12), durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais o abalado não somente na saúde, mas também na economia do Estado. Ele afirmou que haverá desemprego e que, segundo os especialistas, 80% da população será contaminada com o vírus.

Nenhum sistema de saúde do mundo tem capacidade para atender a todos ao mesmo tempo, declarou o governador Wilson Lima (Foto: Reprodução/Facebook)

O governo federal vai repassar R$ 15 milhões por mês para que o Estado possa capacitar o Hospital Delphina Aziz, referência em tratamento de pacientes contaminados por Covid-19 em Manaus.

“O sistema de saúde em nenhum lugar do mundo tem capacidade para atender todo mundo ao mesmo tempo. A mesma coisa acontece em uma casa, onde moram dez pessoas e, na mesma hora, todos têm dor de barriga e só tem um banheiro. Não dá para todo mundo usar o banheiro ao mesmo tempo”, exemplificou o governador

A secretária de Saúde, Simone Papaiz, afirmou também que o Amazonas sofre com a falta de medicamentos. “Estamos com baixíssimo estoque de medicamentos no Estado. O número de hoje não suporta o atendimento”, disse.

Ainda conforme a secretária, o remédio Tamiflu, usado no tratamento de doenças respiratórias, está em falta.

Anúncio