Manaus amplia acesso à vacina contra Covid-19 com retorno de posto no Sambódromo

Com o aumento de casos e internações pela Covid-19, o Amazonas voltou para a fase amarela

Manaus – Com o aumento na taxa de testes positivos e também no número de novas internações hospitalares pela Covid-19, o número de pontos estratégicos para vacinação será aumentado para quatro, com a reabertura do Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo), onde haverá imunização exclusivamente em sistema drive-thru.

A medida foi anunciada pelo prefeito David Almeida, na manhã desta quarta-feira (6), na sede da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), e vale para os próximos três dias, de quinta-feira (7), na sexta-feira (8) e no sábado (9). Neste período de mobilização, pontos e horários de funcionamento serão incrementados para aumentar a capacidade de atendimento.

Na quinta (7) na sexta-feira (8), o Sambódromo e o Centro de Convenções Vasco Vasques, ambos na zona oeste, passam a funcionar das 9h até às 22h, o Studio 5 Centro de Convenções, na zona sul, vai operar das 9h às 20h, já o shopping Phelippe Daou, na zona norte, das 9h às 16h.

Nesses dois dias (quinta e sexta-feira), a vacina continua a ser oferecida em 81 unidades de saúde, distribuídas em todas as zonas da capital. As de horário regular vão atender de 8h às 17h, as de pequeno porte, das 8h às 16h, e as de horário estendido das 8h às 20h.

No sábado (9), os quatro pontos estratégicos estarão abertos das 9h às 16h e 27 unidades de saúde, 17 a mais que as disponíveis tradicionalmente no fim de semana, abrirão das 8h às 16h.

Em todos esses pontos, que podem ser consultados pelo endereço eletrônico e pelas redes sociais da Semsa, poderão ser atendidas crianças, adolescentes, adultos e idosos com a vacina contra a Covid-19 e também contra a influenza, destinada à população geral, acima de seis meses de idade.

A ampliação do acesso à vacina tem o objetivo de aumentar o número de pessoas vacinadas. O foco é reduzir o número de pessoas em atraso com a terceira dose (primeiro reforço) e aumentar a quantidade de vacinados com a quarta dose (segundo reforço).

Dados do Sistema Municipal de Vacinação (SMV), atualizados na última segunda-feira, mostram que há aproximadamente 743 mil pessoas dentro do intervalo para receber a terceira dose e mais de 550 mit aptas a receber a quarta dose.

Além dessas, 206 mil pessoas ainda não tomaram nem mesmo a primeira dose e das mais de 1,8 milhão que iniciaram o esquema vacinal, 241 mil não voltaram para receber a segunda dose.

 

Anúncio