Presídios têm verba e hospital leva ‘calote’