Banco visita unidades florestais para investimentos no Brasil

Ação vai identificar as principais necessidades de apoio às unidades de conservação e florestas brasileiras

Manaus – O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, e mais 100 grupos de funcionários voluntários e dirigentes do banco estarão em unidades florestais de todos os estados do país neste fim de semana. As visitas às áreas de preservação ambiental, que ocorrerão entre 11 de 13 de junho, vão avaliar tecnicamente as necessidades e a formulação de ações socioambientais que podem ser implementadas pelo banco nessas localidades.

(Foto: Agência Brasil)

A comitiva liderada pelo presidente Pedro Guimarães, visitará a Floresta Nacional do Tapajós, no Pará. Outras 100 unidades federais, estaduais e municipais receberão os grupos, que vão identificar condições de fornecimento de energia limpa, obras civis e de sinalização que precisam ser feitas, além de equipamentos e ações sociais para públicos vulneráveis que podem ser implementadas.

O banco vai destinar, pelo menos, R$ 150 milhões do Fundo Socioambiental CAIXA (FSA) por ano para preservação e conservação ambiental e promoção socioeconômica. Serão 3,5 milhões de hectares e 10 milhões de árvores plantadas em todos os biomas brasileiros. As ações, em parceria com o Governo Federal, trabalham em conjunto com o programa Adote um Parque, programa Águas Brasileiras e projetos especiais de preservação das Forças Armadas.

As visitas seguirão as orientações de segurança e sanitárias das autoridades competentes.

Veja vídeo: vídeo a ação:

Anúncio