Codam aprova R$ 631 milhões em investimentos

Foram aprovados, nesta terça-feira (22), 31 projetos industriais e de serviços com investimento de R$ 631,9 milhões e previsão de 1.597 empregos no Polo Industrial de Manaus (PIM)

Manaus – Nesta terça-feira (22) foi a realizada a 282ª reunião do Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam), no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), que aprovou 31 projetos com investimento total de R$ 631,9 milhões e previsão de 1.597 empregos.

Dos 28 projetos analisados pela equipe técnica da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), 18 são de implantação, ou seja, novas linhas de produção, que somam R$ 454,779 milhões, do volume total de R$ 597,361 milhões de investimentos relacionados na pauta da reunião como um todo.

Dos 1.523 empregos projetados, 1.225 são para a área de produção (Foto: Layana Rios/Suframa)

Dos 1.523 empregos projetados, 1.225 são para a área de produção e 298 para o setor administrativo.

Os destaques da pauta são o projeto da Adata Eletronics Brazil para a fabricação de unidades de armazenamento de dados não volátil (SSD) e de módulo de memória RAM, estimado em R$ 143 milhões com mão de obra de 120 trabalhadores. A Zaraplast da Amazônia submete aos conselheiros projetos para a fabricação de resina termoplástica extrudada e componente plástico para embalagem, no valor de R$ 67 milhões.

A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), que possui assento no Conselho, foi representada, na ocasião, pelo superintendente adjunto de Operações, Luciano Tavares.

Em seu pronunciamento, Tavares destacou o trabalho que a Suframa vem desempenhando em prol do desenvolvimento não somente do Amazonas, mas de toda a sua área de abrangência (que envolve os Estados do Acre, Roraima, Rondônia e as cidade de Macapá e Santana, no Amapá). “O superintendente Alfredo Menezes se encontra junto à comitiva presidencial na Ásia, que hoje (terça, 22) está no Japão, exatamente no sentido de trazer novos negócios e investimentos para a região”, explicou.

Balanço

Na reunião anterior, realizada em agosto, foram projetos no valor de R$ 667 milhões. No acumulado do ano, o Conselho já aprovou, em cinco reuniões, um volume de recursos de R$ 3.393 bilhões, distribuídos por 146 projetos industriais aprovados este ano. A previsão é de geração de 5.638 vagas de trabalho quando os projetos estiveram efetivamente implantados, um período de até três anos.

Anúncio