Confira o calendário de pagamentos do auxílio emergencial de 2021

O Ministério da Cidadania informou que o calendário de pagamentos seguirá o mesmo calendário do Bolsa Família

Brasília – Os beneficiários que tiveram a parcela paga em dezembro de 2020 do  auxílio emergencial poderão receber o benefício neste ano de 2021. As novas regras já foram definidas e os novos valores começa a ser enviado em abril.

auxílio emergencial - caixa tem- calendário (Foto: Divulgação)

As parcelas do Auxílio Emergencial começam a ser pagas em abril de 2021. (Foto: Divulgação)

De acordo com o site do Terra, o calendário para as quatro parcelas de R$ 250, R$ 375 ou R$ 150 foi definido apenas para integrantes do Bolsa Família, os demais beneficiários devem saber do cronograma até o início de abril de 2021.

Calendário do Auxílio de 2021 para o Bolsa Família

O Ministério da Cidadania informou que o calendário de pagamentos do Auxílio Emergencial em 2021 seguirá o mesmo calendário do Bolsa Família, para as pessoas que fazem parte do programa. Assim como em 2020, as datas de pagamento são ordenadas de acordo com o número do NIS (Número de Identificação Social).

NIS 1ª PARCELA 2ª PARCELA 3ª PARCELA 4ª PARCELA
1 16 de abril 18 de maio 17 de junho 19 de julho
2 19 de abril 19 de maio 18 de junho 20 de julho
3 20 de abril 20 de maio 21 de junho 21 de julho
4 22 de abril 21 de maio 22 de junho 22 de julho
5 23 de abril 24 de maio 23 de junho 23 de julho
6 26 de abril 25 de maio 24 de junho 26 de julho
7 27 de abril 26 de maio 25 de junho 27 de julho
8 28 de abril 27 de maio 28 de junho 28 de julho
9 29 de abril 28 de maio 29 de junho 29 de julho
0 30 de abril 31 de maio 30 de junho 30 de julho

 

Quanto vou receber do Auxílio Emergencial de 2021?

Os beneficiários do Bolsa Família vão receber o maior valor: se a parcela do Auxílio Emergencial for maior que a quantia do Bolsa Família, a prioridade é para o auxílio; se o valor do Bolsa Família for maior, permanece este.

Lembrando que serão quatro parcelas para 2021:

  • R$ 250 para famílias;
  • R$ 375 para mães solteiras;
  • R$ 150 para quem mora sozinho.

Se a pessoa que recebe o Bolsa Família tiver as parcelas do auxílio emergencial, o Bolsa Família ficará suspenso pelos quatro meses que o pagamento é feito, retornando em agosto.

E o calendário do auxílio emergencial para os outros?

O Ministério da Cidadania ainda está definindo esse calendário para o Auxílio Emergencial de 2021. É certo que o benefício será pago a partir de abril, seguindo a mesma sequência de mês de nascimento.

Leia mais sobre auxílio emergecial:

 

Anúncio