Delivery ganha destaque no setor de alimentação, representando 22,8% das vendas

Especialista em negócios gastronômicos, comenta sobre a crescente relevância do canal de entrega e dá dicas

São Paulo – O canal de delivery se consolidou como uma peça-chave no cenário do foodservice, representando 22,8% das vendas totais em março, de acordo com o Índice de Desempenho Foodservice (IDF) do Instituto Foodservice Brasil (IFB). A especialista em negócios gastronômicos Bianca Fraga, analisa o impacto desse cenário e as estratégias necessárias para acompanhar essa tendência em ascensão.

(Foto: Divulgação)

“Fica claro que o delivery não é apenas uma tendência passageira, mas uma parte essencial do modelo de negócio para bares e restaurantes. Estar presente nesse canal de forma estratégica é importante para garantir relevância e competitividade no mercado atual”, explica Bianca.

Os dados revelam um aumento significativo no volume de vendas através do canal de entrega, refletindo uma mudança no comportamento do consumidor, especialmente impulsionada pelas restrições de mobilidade durante a pandemia. Além disso, a análise detalhada do IDF destaca o desempenho positivo das lojas localizadas em diferentes ambientes, como centros comerciais e lojas de rua, indicando uma demanda diversificada por opções de entrega.

A especialista em negócios gastronômicos dá algumas dicas de como alavancar seu restaurante utilizando o delivery.

  1. Usar a inteligência artificial – “O chatgpt pode ajudar o dono do restaurante a responder as avaliações negativas do seu negócio. Explore a IA, ela pode auxiliar com respostas criativas. E lembre-se, sempre responda o cliente, mesmo se for um comentário negativo. Isso mostra atenção e cuidado com o seu público”, comenta Bianca Fraga.
  1. Tenha uma plataforma de delivery, além do Ifood – “Se você já tem um restaurante maior, vale a pena investir em uma plataforma de entrega própria. Você terá controle total da experiência do cliente, desde o momento em que o pedido é feito até a entrega. Isso permite personalizar a experiência de acordo com a marca do restaurante e garantir um serviço de alta qualidade em todos os aspectos. Outro ponto é ter motoboy próprio. Delivery é sinônimo de entrega rápida. Com entregas ágeis, a chance de escalar seu negócio será muito maior”, garante a especialista em negócios gastronômicos.

“Ter uma plataforma própria de delivery permite ao restaurante estabelecer e manter um relacionamento direto com seus clientes. Isso pode incluir programas de fidelidade, promoções exclusivas e comunicação personalizada, o que pode ajudar a construir uma base de clientes fiéis. Sem falar na redução significativa nas taxas e comissões”, ressalta.

  1. Contrate um bom fotógrafo – “Contratar um bom fotógrafo é fundamental para aumentar suas vendas no delivery. Fotos de qualidade aumentam a atratividade dos pratos, despertam o apetite os clientes em potencial. Uma imagem bem tirada pode fazer com que o cliente escolha o seu restaurante em vez de outro na plataforma de delivery. Além disso, demonstra profissionalismo e cuidado com os detalhes o que pode transmitir confiança aos clientes sobre a qualidade da comida e do serviço oferecido pelo seu restaurante”, diz a consultora do Ifood, Bianca Fraga.

Anúncio