Faculdade lança app de consultoria e incentiva geração de renda extra para MEIs

Por meio da plataforma, microempreendedores de todo o país indicam cursos de graduação e têm a oportunidade de ganhos ilimitados

Manaus – A Anhanguera acaba de lançar o aplicativo Consultoria Educação, uma oportunidade para microempreendedores individuais (MEIs) que querem complementar a renda e, ao mesmo tempo, ajudar a transformar vidas por meio da educação. Pela plataforma, o participante do programa indica a potenciais alunos, cursos de graduação — nas modalidades presencial, semipresencial ou a distância (EAD). A cada pessoa inscrita por meio do app que realizar a matrícula, o promotor receberá um prêmio equivalente ao valor de uma mensalidade do curso escolhido. As possibilidades de ganhos são ilimitadas.

(Foto: Divulgação)

O modelo é simples e prático, já que as indicações podem ser feitas a qualquer hora, sem sair de casa — um detalhe importante diante da necessidade de isolamento social imposta pela pandemia do novo coronavírus. “Esse cenário impactou seriamente a economia e um dos públicos mais afetados foram microempreendedores, além de diversas pessoas que perderam o emprego ou que tiveram redução da renda. O Consultoria Educação possibilitará a essas pessoas ganhar dinheiro ou incrementar a renda, sem que se coloquem em risco”, comenta Fábio Novaes Fernandes, gerente comercial da Kroton, mantenedora da Anhanguera.

Para se tornar um promotor do programa, é preciso realizar cadastro no site https://consultoriaeducacao.com, clicar no botão “Quero ser promotor”, preencher o nome completo, CPF, data de nascimento, e-mail, celular e endereço. O aplicativo também está disponível no Google Play.

Uma vez incluído na base de promotores, o participante passa receber treinamento, por meio de uma plataforma online, para que esteja apto a iniciar suas vendas e fornecer as informações mais detalhados sobre os cursos e as instituições de ensino. Além disso, terão acesso a conteúdo de desenvolvimento profissional, com informações sobre técnicas de venda, marketing e experiência do cliente.

São elegíveis, usuários pessoas físicas que tenham formalizado e mantenham em vigor seu cadastro como Microempreendedor Individual (MEI) – os interessados que não tiveram o MEI, poderão realizar o cadastro inicial no app e finalizado posteriormente. Importante: é necessário que uma das atividades vinculadas ao CNPJ seja “Promotor de Vendas Independente”.

Anúncio