Gigante da logística no Brasil começou em Manaus

Irani Bertolini fundou em 1978 a TBL em Manaus, que possui 24 filiais em vários Estados e movimenta 2,2 mil veículos, além de controlar várias empresas e gerar 5 mil empregos diretos

Manaus – O fundador e diretor-presidente da Transportes Bertolini Ltda (TBL), Irani Bertolini, será um dos  homenageados da indústria, no próximo dia 27, em solenidade promovida pela Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam) no Sesi Clube do Trabalhador.

Empresário toca negócios com faturamento anual de R$ 1,8 bilhão (Foto: Divulgação)

De acordo com o presidente da Fieam, Antonio Silva, Irani soube transformar a Bertolini em um conglomerado vitorioso de empresas, com atividades no transporte rodo fluvial, na indústria naval e de alimentos. Com matriz instalada em Manaus desde 1978, a TBL possui 24 filiais em vários Estados e movimenta 2.200 veículos próprios, incluindo os caminhões elétricos, na entrega de cargas de norte a sul do país.

Para suprir as necessidades de transporte fluvial descarga geral e granéis, a empresa utiliza mais de 320 balsas e 80 empurradores. O empresário, nascido em Garibaldi (RS), revela que parte da frota fluvial desenvolve atividades no transporte das safras agrícolas de grãos, especialmente soja e milho destinados à exportação, com volume estimado em 5,5 milhões de toneladas para este ano.

Para operação de granéis, a Bertolini possui três estações flutuantes de baldeação de grãos, que operam em terminais situados nos municípios de Paragominas (PA) e Itaituba (PA), além de um terminal graneleiro, localizado no município de Porto Velho (RO).

À frente de um conglomerado de empresas, que geram 5 mil empregos diretos e tem faturamento projetado para 2022 na ordem de R$ 1,8 bilhão, Irani Bertolini também lidera a BAL, especializada na construção de implementos rodoviários e também na atividade de processamento de açaí por meio de uma indústria flutuante.

A balsa tem capacidade de câmara frigorífica para 300 toneladas. “O objetivo é exportar, mas nesse ano ainda estaremos vendendo no mercado interno”, disse. Integram também o grupo, a Beconal, fabricante de balsas, empurradores; a Beal, do segmento agropecuário; Beil e Ibepar, de atividades imobiliárias; a BAG, de serviços de armazenagens de cargas; Aiapuá, do transporte de cargas especiais; Eco Logística, para cargas unitizadas, Benav, de transporte de commodities, Behidro, especializada na manutenção e reforma de embarcações, Airship do Brasil, fabricante de equipamentos aéreos com tecnologia LTA.

Excepcionalmente, devido às medidas de distanciamento da Covid-19, a Fieam este ano vai promover evento que destaca este ano o Industrial 2020, Irani Bertolini; Industrial do Ano 2021, Gilberto Novaes (Transire  letrônicos); Industrial do Ano 2022, Sung Un Song (Fundação Matias Machline e Digitron) e o Microindustrial de 2022, Danniel Pinheiro (Biozer da Amazônia). O Grupo Samel e o desembargador Jesus Abdala Simões receberão a Ordem do Mérito Insdustrial e, a Recofarma, o título de Exportadora de 2021.

Anúncio