Inscrições abertas para curso de Cuidador Comunitário 2019

Serão oferecidas 50 vagas para o curso, que ocorrerá no Cras, no bairro Betânia. As inscrições serão feitas no próprio local na terça-feira (12), das 8h às 16h, ou até o preenchimento das vagas

Manaus – A Prefeitura de Manaus, em parceria com a Fundação Doutor Thomas (FDT) e a Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), por meio da Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), abre as inscrições para a capacitação do Cuidador Comunitário na próxima terça-feira (12), com o objetivo de levar à população o conhecimento sobre o cuidado com o idoso.

Serão oferecidas 50 vagas para o curso, que ocorrerá no Centro de Referência em Assistência Social (Cras), localizado na Rua São Lázaro, nº 26, no bairro Betânia, zonal sul da cidade. As inscrições serão feitas no próprio local na terça-feira (12), das 8h às 16h, ou até o preenchimento das vagas. Os interessados devem apresentar RG, CPF, comprovante de residência e uma foto 3×4 (original e xerox).

Serão oferecidas 50 vagas para o curso (Foto: Altemar Alcântara/Arquivo Semcom)

Durante o curso, temas como alimentação, higiene pessoal, medidas de prevenção e outros assuntos relacionados ao universo do idoso serão abordados. O curso de capacitação é gratuito e direcionado para pessoas acima de 18 anos, de qualquer nível de escolaridade, tendo em vista a preparação para o cuidado básico com o idoso no ambiente onde vive. Em 2018, o Cuidador Comunitário atendeu as zonas sul, centro-sul e centro-oeste, formando seis turmas e concluindo o processo de capacitação de 399 pessoas com noções básicas sobre cuidados com idoso.

“A expectativa de vida da terceira idade vem se tornando cada vez mais alta. Estima-se que, em 2060, o número de idosos dobrará, sendo que um quarto da população terá mais de 65 anos. Pensando nisso, a Prefeitura de Manaus, juntamente com a FDT/Espi, resolveu criar o Curso de Capacitação Cuidador Comunitário, tendo em vista familiares que já cuidam de idosos, mas que precisam de um conhecimento básico. Sabendo dessas informações a família poderá introduzir cada vez mais o idoso em seu âmbito familiar e fortalecer vínculos; conhecendo o processo de envelhecimento as pessoas buscarão estratégias para manter o idoso no seio familiar”, explicou a diretora presidente da FDT, Martha Moutinho.

Aulas

Serão ministradas às terças e quintas-feiras, das 9h às 12h, no Centro de Referência em Assistência Social (Cras). A capacitação possui carga horária de 21 horas, ou seja, três semanas, com entrega de certificado ao fim do curso.

“Pessoas com formações em variadas áreas podem contribuir mais e melhor para o crescimento da cidade, e o cuidado com o idoso é uma necessidade da população que procuramos atender por meio da Espi/Semad”, explicou o secretário da Semad, Lucas Bandiera.

Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 3237-7678 (Cras-Betânia) e 3215-6007 (Nepem).