Mais de 1 milhão de pessoas ficaram inadimplentes em um mês, diz Serasa

Dívidas podem ser negociadas em parcelas a partir de R$ 9,90

São Paulo – De fevereiro a março de 2021, o número de inadimplentes no Brasil passou de 61,56 milhões para 62,56 milhões de pessoas, o que pode ser um reflexo do impacto da pandemia na economia. Com débitos de, em média, R$ 3.903,73 cada, os estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia e Paraná são os com o maior número de negativados.

(Foto: Arquivo / Abr)

Desde a última segunda-feira(19), a Serasa oferece a oportunidade para que os brasileiros quitem suas dívidas com parcelas a partir de R$9,90, R$19,90 e R$29,90. A ação faz parte da plataforma Serasa Limpa Nome, que já possibilitou mais de quatro milhões de acordos desde o início do ano.

“Em nossa plataforma de negociação, Serasa Limpa Nome, disponibilizamos milhões de ofertas com descontos de até 90% e opções de parcelamento, parte dela começando por R$ 9,90. Sabemos a importância desse serviço em um momento tão difícil e queremos estar ao lado dos brasileiros no processo para se conquistar uma vida financeira mais saudável.”, conta o gerente de marketing da Serasa, Matheus Moura.

Os acordos são fechados em menos de 3 minutos e as consultas podem ser feitas de forma gratuita nos seguintes canais:

  • Site: serasalimpanome.com.br
  • App Serasa no Google Play e App Store
  • WhatsApp 11 99575-2096
  • Ligação gratuita 0800 591 1222

Neste momento, a Serasa aconselha que as pessoas priorizem os meios digitais, mas para quem preferir negociar presencialmente em uma das unidades dos Correios, siga as orientações do Ministério da Saúde e acesse o site www.correios.com.br para conferir os horários de funcionamento antes de se dirigir a uma das agências.