Mercado imobiliário comemora trimestre

O setor no Amazonas apresentou um faturamento de R$ 236 milhões no terceiro trimestre deste ano. Os valores do acumulado de 2019, chegam a R$ 578 milhões, 95,8% de 2018

Manaus – O mercado imobiliário do Amazonas apresentou um faturamento de R$236 milhões no terceiro trimestre deste ano. O setor no Amazonas apresentou um faturamento de R$ 236 milhões no terceiro trimestre deste ano. Os valores do acumulado de 2019, chegam a R$ 578 milhões, 95,8% dos rendimentos de 2018, quando a receita foi de R$ 603 milhões. Os dados foram divulgados pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-AM) e a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi-AM) durante a apresentação da pesquisa do mercado imobiliário, na manhã desta quarta-feira (30), no Hotel Adrianópolis, na zona centro-sul.

A estimativa de crescimento do setor aumentou para 55%, em 2019 (Foto: Arlesson Sicsú/Arquivo-GDC)

Com uma projeção inicial de 32%, hoje a estimativa do setor aumentou para 55%, cerca de R$ 933,6 milhões. No terceiro trimestre, foram lançados sete empreendimentos em comparação ao ano passado, que teve seis empreendimentos no total, representando 2.140 unidades, este ano a soma das unidades é de 2.117.

O presidente do Sinduscon-AM, Frank Souza, comemorou os números positivos alcançados pelo setor da Construção Civil no Estado e destacou alguns aspectos positivos da pesquisa.

“O principal aspectos da pesquisa é que ela se torna um sinalizador, as empresas através da pesquisa se baseiam para saber todas as características dos imóvel que estão sendo lançados, em que bairro são lançados, valor do metro quadrado, o tipo de impedimento, possibilitando que essas empresas construam mais e consequentemente, trazendo melhora para a economia, criando emprego e renda, além de fazer com que o mercado no Amazonas seja acompanhado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), que faz um comparativo do mercado aqui, em comparação com os outros Estados”, destacou o presidente.

Os bairros que representaram juntos 59,8% das unidades vendidas no terceiro trimestre de 2019 foram: Tarumã (254), Ponta Negra (140), Planalto (127), Alvorada (117), São Geraldo (92) e Lago Azul (87).

Em relação às vendas dos Bancos, os bairros que representaram juntos 78,2% foram Tarumã Açu (45), Ponta Negra (30), Compensa (18), Parque 10 de Novembro (15). No total, foram vendidas 138 unidades.