Microempreendedores são capacitados sobre boas práticas para alimentação

Os microempreendedores das Galerias Populares recebem capacitação sobre boas práticas para serviços de alimentação

Manaus – Os microempreendedores das Galerias Populares recebem capacitação sobre boas práticas para serviços de alimentação. A Prefeitura de Manaus, por meio da Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), iniciou na tarde desta segunda-feira, um curso de capacitação no Shopping Phelippe Daou, na Avenida Camapuã, bairro Jorge Teixeira, zona Leste, das 15h às 18h, e se estenderá até a próxima sexta-feira.

Os microempreendedores das Galerias Populares recebem capacitação. (Foto: Altemar Alcantara / Semcom)

Para a diretora-geral da Espi, Stela Cyrino, esse é o início da programação deste ano voltada para esse público específico. “A Espi tem, entre as suas atribuições, o atendimento às demandas por capacitação de agentes públicos e políticos do município. Nesse sentido, montamos o Programa de Inclusão Socioeducacional que visa proporcionar aos participantes conhecimento para a melhoria dos serviços prestados à sociedade, fomentando atitudes empreendedoras, aumento da empregabilidade e geração de renda”, afirmou.

Os participantes receberão instruções sobre introdução à segurança alimentar, métodos diferentes para cocção dos alimentos, planejamento, adequação e composição do cardápio, além de participarem de uma atividade prática.

O microempreendedor Joelson Nascimento, 29, do Shopping Phelippe Daou, destacou que a participação no curso vai ajudar na qualificação do serviço que ele oferece aos clientes. “Nesse curso, eu espero aprender mais para melhorar a qualidade do produto que eu ofereço ao meu cliente, de forma que ele se sinta à vontade no meu estabelecimento. A qualificação é um diferencial porque, muitas vezes, as pessoas antes de escolherem um local para comer, observam se o ambiente é limpo e se tem uma boa apa