Polo Industrial de Manaus fatura R$ 39,5 bilhões no 1º trimestre

Indicadores Industriais apontam crescimento de 9,62% no primeiro trimestre do ano em relação ao mesmo período de 2021

Manaus – Polo Industrial de Manaus (PIM) fechou o primeiro trimestre de 2022 com faturamento de R$ 39,5 bilhões, o que representa um crescimento de 9,62º/. em relação ao mesmo período do ano passado (R$ 36,04 bilhões), de acordo com os Indicadores Industriais divulgados nesta sexta-feira (3), pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). Em dólar, o faturamento nos três primeiros meses deste ano atingiu US$ 7,83 bilhões, indicando incremento de 20,65º/. sobre o mesmo intervalo de 2021.

Entre janeiro e fevereiro, o PIM contabilizou vendas externas de US$ 121.59 milhões, o que representa um aumento de 10,35º/. sobre o montante exportado em igual período do ano passado (US$ 110.18 milhões).

O PIM empregou, em março, 104.205 trabalhadores, entre efetivos, temporários e terceirizados, similares aos de igual mês do ano passado. No fechamento do primeiro trimestre de 2022, a média mensal no ano ficou em 105.575 trabalhadores, para uma média de 447 empresas informantes dos dados à Suframa.

O segmento Eletroeletrônico (incluindo Bens de Informática), com faturamento de R$ 19,35 bilhões no trimestre e geração de 52.864 empregos diretos, continua sendo o principal setor do PIM, com participação de matade do faturamento global e na mão de obra. Outros segmentos que se destacaram foram Duas Rodas (faturamento de R$ 5,63 bilhões e crescimento de 48,12º/.) e Químico (faturamento de R$ 3,27 bilhões e crescimento de 5,97º/.).

Entre os principais produtos fabricados pelo PIM no primeiro trimestre deste ano, os principais destaques em termos de crescimento no volume de produção incluem as motocicletas, motonetas e ciclomotos (329.291 unidades produzidas, alta de 36,68º/.).

Avaliação

De acordo com o superintendente da Suframa, Algacir Polsin, os indicadores são positivos à medida que igualam ou, em alguns casos, superam os dados de faturamento, exportações e geração de empregos do ano passado. “O ano de 2021 foi recorde para a Zona Franca de Manaus e é satisfatório que nós tenhamos fechado os três primeiros meses de 2022 em ritmo ainda mais avançado. Continuaremos monitorando o ambiente de negócios da região e buscando prestar todo o apoio para que as empresas do PIM sigam em trajetória ascendente”, disse Polsin.

Anúncio