Por que bootcamp de programação vai te fazer um profissional melhor?

Com salários na casa dos R$ 10 mil mensais, a busca por uma carreira na programação cresceu 30% no país nos últimos anos

Manaus – A recente queda da taxa de desemprego no Brasil mostra que o mercado de trabalho está cada vez mais aquecido por aqui. Porém, o que não é novidade, é como o setor de tecnologia sempre esteve em alta nos últimos anos – apesar de um período turbulento.

(Foto: Divulgação / CanvaPro)

Com salários na casa dos R$ 10 mil mensais, a busca por uma carreira na programação cresceu 30% no país nos últimos anos. Isso aumentou em 60% o número de contratações deste setor, que vê, no bootcamp de programação, a melhor opção para empresas que buscam candidatos qualificados, e pessoas que querem um desenvolvimento crescente na carreira.

O que é bootcamp de programação?

blank

(Foto: Divulgação / CanvaPro)

Muito comum na área de tecnologia, um bootcamp de programação é um programa educacional que guia o aluno a desenvolver as principais habilidades necessárias para as atividades mais requisitadas pelo mercado de trabalho.

O que pode muito bem ser confundido com um curso universitário ou algo assim, o modelo de ensino é bem diferente. Aqui, o foco é imersão total no desenvolvimento das skills. Ou seja, em muito pouco tempo, a ideia é colocar o aluno em aspectos prático e teóricos que vão criar um repertório de comportamento ideal para que ele possa atender o mais rápido possível todos os requisitos dos postos de trabalho e se destacar da concorrência.

Essa intensidade vem, inclusive, dos treinamentos militares, em que os soldados eram colocados em situações extremas e imersivas para, o quanto antes, estarem prontos para o campo de batalha e sua carreira na área.

Como funciona um bootcamp

Ao ler o texto acima, pode-se gerar uma dúvida sobre o quão profundo é um bootcamp. Afinal, é comum pensar que nestes modelos há apenas uma pancada de atividades para se fazer. Mas na realidade, há, sim, muita teoria também envolvida, apesar do foco maior estar de fato na prática.

Desta forma, os alunos são colocados de frente com projetos reais e situações que com certeza estarão presentes em seu dia a dia de trabalho ao longo de toda a carreira. Isso quer dizer que além das hard skills – conhecimentos técnicos – o estudante também vai conseguir ampliar seu repertório de soft skills, sendo guiado a tomar decisões assertivas.

É legal observar também o quanto esta metodologia é focada. Então, enquanto uma universidade vai tratar de uma gama maior de assuntos, porém, de forma genérica, o bootcamp vai se preocupar em ir direto no alvo das ações mais exigidas pelo mercado de trabalho.

O que se aprende em um bootcamp

Do básico ao avançado, um bootcamp é capaz de transitar por diferentes assuntos e práticas, tudo para ajudar no desenvolvimento do aluno. A real é que nada escapa neste tipo de curso, já que se estuda as principais ferramentas e até tendências que estão por vir no mercado para manter o estudante sempre atualizado.

Assim, um dos grandes pontos de estudo são as linguagens de programação. E aqui não fica nada a desejar. Estamos falando dos principais modelos de escrita, como JavaScript, Python, entre outras. E tudo isso, dentro do escopo do front-end ou back-end, permitindo que a pessoa possa escolher trabalhar com a parte de maior interação dos usuários ou na mais profunda arquitetura do código.

Fora isso, são inclusos conhecimentos em frameworks e bibliotecas. Então, estamos falando do React, para o front-end, e Node js, para o back-end. Ao mesmo tempo, o gerenciamento do banco de dados em SQL e NoSQL são ferramentas muito importantes que com certeza não vão passar batido em um bom curso e vão estar presente todos os dias de sua carreira..

Todos são bem-vindos no bootcamp

Uma das coisas mais legais de um bootcamp é que não importa quem você seja ou em qual momento e área de trabalho está atualmente, todos, sem exceção, são bem-vindos a este tipo de curso.

Em outras palavras, se você nunca trabalhou com tech ou sequer teve um contato direto com esta área, não tem problema. O bootcamp é um ambiente super acessível que vai permitir que você aprenda do básico ao avançado em pouco tempo, sempre com o apoio dos tutores e colegas.

Se você é daqueles que trabalha em qualquer outra área, menos tecnologia, ou tem até certa aversão à matemática, também tem portas abertas em um bootcamp. Afinal, o que este método exige é dedicação. As habilidades necessárias são ensinadas aqui. Por isso, zero preocupações com sua carreira!

E quem já é desenvolvedor também não fica de fora. Não só há muito o que aprender na profissão, como desenvolver novas habilidades vai te dar vantagem em uma possível promoção.

Quais são as vantagens de um bootcamp?

Todo esse desenho de um bootcamp é a roupagem principal do método de ensino mais eficiente que existe atualmente, sendo um dos mais procurados por profissionais que já estão ou querem entrar na área de TI. E aqui você vê alguns dos principais pontos de destaque desta metodologia.

Orientado à prática: como já comentado neste artigo, o bootcamp é um curso muito focado na prática do aluno. Ou seja, você vai aprender a teoria. Mas isso não vai ficar apenas no papel. O aluno tem que arregaçar as mangas e programar, trabalhar em situações reais e, assim, não só ganhar experiência, como ainda ter um portfólio para mostrar ao mercado de trabalho.

Contatos com profissionais: sabe aquele famoso “networking”? Tão importante para a gente conseguir uma indicação em uma empresa. Pois é, em um bootcamp, o ambiente de ensino é muito mais solto, permitindo uma troca de experiência e contatos. Assim, você aumenta sua rede na área de tecnologia, e, quem sabe, ganha a oportunidade para mostrar seu trabalho.

Tutores experientes: com você preparado tecnicamente para assumir qualquer trabalho, sempre é bom ter o acompanhamento de alguém com mais experiência. Por isso, tutores podem oferecer uma mentoria que vai te guiar a lidar com as vantagens e adversidades de situações de trabalho.

TripleTen: maior Bootcamp de programação do Brasil!

A área de tecnologia é muito ampla no Brasil. Então, se sua ideia é ingressar em um bootcamp, saiba que há diversos cursos disponíveis dentro desta metodologia, como curso de analista de dados, ciência de dados, desenvolvimento web e analista de QA – também conhecido como teste de software

Para abrir esta porta e começar a mudar de carreira, a TripleTen é o seu pontapé inicial ideal. O curso, muito premiado nos Estados Unidos, já formou mais de 5 mil alunos em todo o mundo.

Mas se você quer resultado, saiba que 87% dos alunos da TripleTen conseguiram um novo emprego em menos de seis meses. É muito rápido!

Então, corra para o site da TripleTen e, com o cupom FUTUROBR30, você leva 30% de desconto em qualquer bootcamp para mudar sua vida!

Anúncio