Preço do novo iPhone no Brasil chega a 14 salários mínimos

Pesquisa comparou preço de produtos da Apple em vários países

Manaus – O novo iPhone 13, deve passar longe da realidade de muitos brasileiros este ano. O modelo Pro Max será vendido por R$ 15.499, valor equivale a 14 salários mínimos. Isso significa que um brasileiro precisaria trabalhar por mais de um ano para conseguir comprar um smartphone da Apple.

Se comparado com os americanos, é bem diferente o tempo de trabalho necessário para conseguir juntar o valor pois uma pessoa dos Estados Unidos precisaria de pouco mais de um mês para comprar o mesmo aparelho. Já um australiano poderia comprar o celular com apenas 12 dias de trabalho.

Se vale apena ou não, cabe a cada consumidor julgar. Mesmo que os produtos da Apple sejam lançados com preços cada vez mais elevados a cada ano no Brasil, a marca possui muitos fãs fieis que não abrem mão dos novos lançamentos.

(Foto: Divulgação)

O portal de descontos Cupom Brasil divulgou um levantamento que revela que o Brasil é o país onde o Iphone, iPad, AirPods e Mackbock são os mais caros do planeta. Os preços dos produtos são mais elevados que os praticados em países emergentes e em outras nações da América do Sul.

“O mais impressionante é que, se considerarmos o produto mais caro da Apple, o MacBook Pro de 16 polegadas 10×32 Core, 32GB de RAM, 1TB SSD, cujo valor é de R$ 45.499, um brasileiro que ganha um salário mínimo precisaria trabalhar mais de quatro anos para adquirir o notebook”, calcula o Cupom Válido.

Duas razões responsáveis pelo alto custo dos produtos da ‘marca da maçã’ citados pelo levantamento, são a elevada carga tributária e a desvalorização do real. Segundo a pesquisa, aproximadamente 40% do valor final cobrado pelo Iphone vai para o pagamento de Imposto de Importação (IPI), PIS, COFINS e ICMS.

Confira a tabela de preços em cada país:

blank

Anúncio