Processo seletivo da Semsa recebe mais de 1,5 mil inscrições no primeiro dia

O Processo Seletivo Simplificado (PSS) é para contratação temporária de 75 profissionais de Saúde. O prazo termina às 23h59 da próxima sexta-feira (7)

Manaus – Em pouco mais de 24 horas de inscrições, o Processo Seletivo Simplificado (PSS) que a Prefeitura de Manaus está realizando para a contratação temporária de 75 profissionais de Saúde teve um total de 1.526 interessados. Destes, 513 já finalizaram o processo, com o envio da documentação exigida no Edital do PSS nº 005/2019, da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). O prazo termina às 23h59 da próxima sexta-feira (7).

“Estamos bastante animados com o interesse demonstrado pelos profissionais dessas categorias. A contratação foi uma determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto, para suprir as vagas deixadas por 240 servidores da Secretaria de Estado da Saúde (Susam), dispensados no final do mês de maio e que atuavam em 21 Unidades Básicas de Saúde”, explicou o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi.

Entre as vagas ofertadas no Processo Seletivo Simplificado da Susam há 12 para cirurgião-dentista (Foto: Valter Campanato/Arquivo/Agência Brasil)

Para as cinco vagas de médico, foram feitas 35 inscrições, sendo oito finalizadas; para as 12 vagas de cirurgião-dentista, 533 iniciaram o processo, dos quais 211 já estão concorrendo efetivamente; as 40 vagas de auxiliar em saúde bucal atraíram, só no primeiro dia, 503 candidatos, com 153 inscrições efetivadas. No caso de técnico em patologia clínica, estão sendo oferecidas 18 vagas, com 455 interessados, dos quais 141 já finalizaram o processo e vão aguardar a avaliação da documentação.

Os salários oferecidos são de R$ 8.865,50 para médicos; R$ 7.272,78 para cirurgiões-dentistas; R$ 2.273,25 para auxiliares em saúde bucal; e 2.411,69 para técnicos em patologia clínica. A carga horária de trabalho é de 40 horas semanais, no horário das 8h às 17h, exceto para a função de técnico em patologia Clínica, que será de 20 horas, no turno matutino.

A avaliação do PSS considera a somatória de títulos e tempo de experiência na função. Para efeito de desempate, terá prioridade o candidato com mais idade.