Valor da produção agropecuária 2020 é atualizado para R$ 806,6 bilhões

Valor corresponde a um aumento de 11,5%, em relação a 2019, saltando de R$ 723,4 bilhões para R$ 806,6 bilhões

Manaus – Por meio de resultados obtidos a partir das atualizações do levantamento da produção e dos preços dos produtos agropecuários pesquisados em setembro, o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2020 sofreu uma atualização. Agora, em número percentual esse valor corresponde um aumento de 11,5%, em relação a 2019, saltando de R$ 723,4 bilhões para R$ 806,6 bilhões.

Esse resultado aponta um aumentou, em apenas cinco anos, em R$ 100 bilhões. “Sem dúvida, esses resultados trouxeram um aumento considerável da renda nas principais regiões do interior do País. O faturamento das lavouras aumentou 15%, atingindo R$ 543 bilhões e a pecuária, 4,9% alcançando R$ 263,6 bilhões”, avaliou o coordenador-geral de Avaliação de Política e Informação da Secretaria de Política Agrícola, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, José Garcia Gasques.

Essa é uma boa notícia para o produtor que quer aproveitar o bom momento para reinvestir no próprio negócio. Afinal, com a grande demanda por produtos e o excelente desempenho do setor agrícola, é natural que haja um estímulo na compra de agripeças onlinepor exemplo, ou na contratação de mão de obra qualificada.  

Com a atualização do valor da produção agropecuária 2020, o momento é bom para o produtor reinvestir no próprio negócio (Foto: Divulgação)

Vale dizer que os principais responsáveis pelos resultados enfatizados da agropecuária foram a soja, os bovinos, o milho e o café. Além disso, outras lavouras também registraram um desempenho significativo este ano, como amendoim (28,5%), arroz (26,2%), cacau (18,7%), café (42,1%), feijão (13,4%), mamona (29,6 %), milho (16%), soja (30,3%), trigo (58%).

Tudo isso pode reforçar o aquecimento de áreas relacionadas com as atividades no campo, como a venda de peças de trator pela internetEmbora, não seja um mercado que se desenvolva no campo, é por meio do desenvolvimento rural que se estabelece novas demandas para a comercialização desses produtos.

Em 2020, outro ponto favorável aos trabalhadores agrícolas são os preços agrícolas. É o que indica a pesquisa feita pela SPA. “Além dos preços, a safra recorde de grãos e o comércio internacional favorável compõem um cenário de bons resultados financeiros”, ressaltou Gasques.

Para deixar mais fácil de entender, o coordenador do estudo comenta sobre os acréscimos de preços para os principais produtos como a banana (17,6% de aumento real em relação a 2019), café arábica (15,8%), feijão (17,4%), milho (16,2%), soja (21,8%), trigo (21%), bovinos (16,4%) e suínos (10,5%).

Os Estados brasileiros que puxam os valores da produção agropecuária do País são Mato Grosso (R$ 145,8 bilhões), Paraná (R$ 103,2 bilhões) e São Paulo (R$ 97,6 bilhões).

Anúncio