Após período de isolamento, cursos preparatórios voltam a receber alunos

Atividades presenciais nos ‘cursinhos’ foram paralisadas em março por conta da pandemia do novo coronavírus. Retorno das atividades ocorre desde 13 de julho

Manaus – Após quatro meses sem atividades presencias por conta da pandemia do novo coronavírus, cursos preparatórios voltaram a receber alunos em salas de aula. Um curso preparatório, localizado na Rua Pará, Conjunto Vieiralves, bairro Nossa Senhora das Graças, retornou no dia 13 de julho, com apenas 40% do público, e seguindo medidas de segurança recomendadas pelos órgãos de saúde.

Segundo o professor Renato Cabral, a última aula ministrada foi no dia 16 de março, com a agravação da pandemia, as atividades foram suspensas imediatamente, mas, nem por isso, os alunos paralisaram as atividades, e seguiram em casa com aulas na modalidade online.

“Determinamos cautelas para receber os alunos, sempre com segurança, com responsabilidade necessária, para evitar a propagação da doença. Um das medidas que adotamos é justamente a capacidade reduzida nas nossas salas de aula, justamente para manter um distanciamento, operamos com, no máximo, capacidade de 40%”, explicou o professor.

Apenas 40% dos alunos acompanham as aulas de forma presencial, os demais estão conectados pela internet (Foto: Laurismar Sampaio/GDC)

O uso de máscara também é obrigatório no espaço. A escola disponibiliza álcool em gel e higienização constante das carteiras e demais materiais de uso compartilhado. Com 40% dos alunos em sala de aula, os demais optaram por acompanhar as aulas de forma remota os conteúdos.

“Nossos cursos apresentam um diferencial em relação aos demais porque as aulas são ao vivo e temos um contato direto com os alunos. No momento que surge uma dúvida, eles (alunos) conseguem fazer um questionamento e ter contato direto com o professor, como se realmente estivesse em sala”, destacou Renato.

Alexandre Omena, 24, está se preparando para o concurso do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), sua rotina está divida em estudar em casa e, à noite, ir para curso preparatório. “Eu ia voltar em março, mas por conta da pandemia não deu, retornei agora porque minha faculdade foi cancelada e estou com tempo livre. Minha rotina é online, a partir das 14h, e à noite presencial”, detalhou o estudante.

O retorno presencial não suspendeu as aulas remotas, segundo o professor, a modalidade foi aceita pelos alunos e seguirá sendo disponibilizada.

Retorno Concursos Públicos

A pandemia da Covid-19 suspendeu alguns concursos públicos, mas a retomada gradual das atividades já ocorre e, até o fim do ano, outros certames podem surgir, além do já divulgado concurso do Tribunal do TCE, da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e da Amazomprev.

O professor Renato orienta que os alunos sigam a rotina de estudos, em busca da vaga profissional. Conforme o educador, um dos grandes diferenciais é estudar com antecedência, para ficar na vantagem em relação aos demais candidatos.

“O tempo necessário entre edital e prova é curto, insuficiente para ver todo conteúdo programático, quando você estuda com antecedência, você já abre uma série de vantagens em relação aos outros candidatos, e depois que esse edital é publicado, esse aluno só faz alguns ajustes em relação aos conteúdos que apareceram”, disse Cabral.

Outra dica a ser seguida é a resolução de questões de provas já realizadas, assim, o candidato consegue habituar-se aos assuntos cobrados em provas de concurso público.  Os alunos também podem atentar-se a para a banca examinadora responsável pelo certame, para compreender os temas inseridos.

Anúncio