Avaliação de Desempenho do Estudante é aplicada em 359 unidades de ensino da Semed

Participaram da terceira edição do ADE mais de 76 mil alunos

Manaus – Mais de 76 mil alunos da Prefeitura de Manaus, da 3ª e 4ª fase da Educação de Jovens e Adultos (EJA), do 3º, 5º, 7º e 9º anos do Ensino Fundamental e do Projeto Itinerante, participaram nesta terça (8) e quarta-feira (9) da 3ª Avaliação de Desempenho do Estudante (ADE). A prova foi aplicada em 359 unidades de ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

(Foto: Cleomir Santos/Semed/Divulgação)

A ADE é uma avaliação interna realizada com alunos dos 3°, 5°, 6° e 9° anos do Ensino Fundamental, nos moldes do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), prova nacional que compõe a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). A ação é coordenada pela Divisão de Avaliação e Monitoramento (DAM) da Semed e busca avaliar as habilidades e competências desenvolvidas pelos estudantes nos componentes curriculares de língua portuguesa e matemática.

A primeira prova da ADE foi realizado no dia 17 de abril, em 356 escolas municipais, com total de 70.629 alunos do 3º, 5º, 7º e 9º anos do Ensino fundamental. E a segunda ocorreu no dia 17 de julho, com a participação de 76.455 alunos do 3º, 5º, 7º e 9º anos, da 3ª e 4ª fase da EJA e do Projeto Itinerante.

A chefe da DAM da Semed, Núbia Breves, disse que espera bons resultados. “A expectativa é muito grande, até porque a gente já vem trabalhando durante o ano todo. Esta terceira ADE vem culminar em um trabalho mais efetivo, demonstrar as intervenções que foram feitas na primeira e segunda prova para que essa terceira venha corrigir todas as incongruências que aconteceram”, finalizou.

Preparação

A Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul contou com a participação de aproximadamente 18 mil alunos de 41 unidades de ensino do 3º e 5º ano do Ensino Fundamental. Para Núbia Souza, assessora de gestão da divisão, houve toda uma preparação de apoio às escolas para a realização da prova.

“Esta é a última avaliação para justamente nós acompanharmos esses alunos e prepará-los para a prova do Saeb. Além dessa preparação, a gente verifica a questão do aprendizado dos alunos, ou seja, o que aprenderam ao longo dos bimestres. A prova vem para verificarmos o percentual de acertos e erros”, disse.

A escola municipal Hahnemann Barcelar, no Parque das Nações, bairro Flores, zona sul, contou com a presença de 258 alunos do 3º e 5º ano. Segundo a diretora da escola, Rosena Poinho de Oliveira, na primeira ADE a escola teve 68,7% de acertos e na segunda prova, 67,6%.

“Nós fizemos os estudos com perguntas de preparação para buscar o percentual da nossa meta. Esperamos que as crianças consigam dar o resultado que é esperado pela escola, junto com a Semed e a nossa divisão”, comentou.

Aproximadamente 180 alunos, do 3º e 5º ano do Ensino Fundamental, da escola municipal Maria Lira Pereira, bairro Petrópolis, participaram da terceira prova da ADE. Com média de 8,5 em português e 9,5 em matemática na segunda prova, a aluna do 5º ano, Geysyane Monteiro Artiagas, 11, do turno matutino, espera melhorar as notas.

“Eu tinha muitas dificuldades em alguns assuntos como substantivo e adjetivo, mas a professora nos ensinou e nos preparou. Estudei mais em casa matemática, mas acho que fui bem nessa prova de hoje, porque foi fácil”, citou.