Edital traz 640 vagas para mestrado em História

Professores da educação básica atuantes na disciplina poderão se inscrever de 10 de setembro a 27 de outubro

Brasília – Seiscentas e quarenta vagas serão ofertadas em 39 instituições, de 22 estados, para o Programa de Mestrado Profissional em Ensino de História (ProfHistória). Até 30% dos participantes receberão bolsa da CAPES. Podem participar  professores de História atuantes na educação básica. As inscrições vão de 10 de setembro a 27 de outubro e devem ser feitas pelo link.

(Foto: Reprodução / Facebook)

Lançado este mês, o edital é para ingresso em 2022 e as aulas serão presenciais. Toda a seleção será feita em 2021, com exame de acesso em 7 de novembro (confira o calendário no edital). A oferta se dá por uma rede de instituições coordenada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O ProfHistória é um dos Programas de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica (Proeb), da CAPES. A iniciativa oferece a oportunidade de uma formação continuada, contribuindo para a qualidade do ensino de História na educação básica.

O Proeb segue as diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC) para a formação continuada stricto sensu de professores ativos, além de apoiar instituições de ensino superior e a rede de instituições associadas. Atualmente são oferecidos 12 programas de pós-graduação de mestrado profissional, com mais de 15 mil alunos matriculados, em 317 unidades de ensino em todo o País.

Anúncio