Acusado de doping, Bruno Henrique tem liberação para uso de medicamento

O flagra antidoping teria acontecido depois da partida contra o Vasco, pelo Campeonato Brasileiro, no Maracanã (RJ), em novembro

Manaus – O jornalista Fábio Sormani, comentarista da ‘Fox Sports Brasil’, informou na noite desta sexta-feira (13) que o atacante Bruno Henrique, do Flamengo, foi pego em exame antidoping. O flagra teria acontecido depois da partida contra o Vasco, pelo Campeonato Brasileiro, no Maracanã (RJ), em novembro.

Bruno Henrique seguirá na disputa do Mundial de Clubes, realizado no Catar (Foto: Reprodução/Twitter)

De acordo com Sormani, o teste antidoping de Bruno Henrique foi positivo para a substância brinzolamida, um diurético que também faz parte da composição de medicamentos para quem sofre de glaucoma – que é o caso do atleta, que, como lembrou o próprio Sormani no programa ‘Central Fox’, teve um descolamento de retina e “pode ser que essa brinzolamida seja fruto de um remédio que ele usa para esse problema no olho”.

Ainda nesta sexta-feira, o Flamengo informou, por meio de sua assessoria, em comunicado enviado a Fox Sports, que o jogador está liberado para uso do medicamento que contém essa substância por causa do seu problema de glaucoma.

O clube também esclareceu que a CBF estava ciente da situação do jogador e não foram feitos outros questionamentos sobre o assunto.

Bruno Henrique seguirá na disputa do Mundial de Clubes, realizado até o próximo dia 21, no Catar.

Anúncio