Amazonense escapa de incêndio que atingiu ‘Ninho do Urubu’, no Rio

De acordo com informações preliminares do Corpo de Bombeiros, até o momento, dez pessoas morreram e três ficaram feridas, sendo uma em estado grave

Manaus – “Foi um livramento de Deus”, disse o volante amazonense do sub-15 do Flamengo, Ryan Matheus, 15. Na madrugada desta sexta-feira (8), ocorreu um incêndio no alojamento de atletas da base, de 14 a 17 anos, do ‘Ninho do Urubu’, no bairro Vargem Grande, na capital carioca. Foram confirmados pelo Corpo de Bombeiros, até o momento, dez mortos e três feridos, sendo um em estado grave.

Atuando nas categorias de base desde o ano passado, o manauense informou, emocionado, a reportagem que era para estar no alojamento na hora da fatalidade, mas saiu do centro de treinamento do ‘Ninho do Urubu’, nesta quinta-feira à noite (7). “Eu saí de noite para dormir com a minha família, que se mudou para o Rio de Janeiro. Mas estou bem Graças a Deus e contando com o apoio dos meu familiares”, disse o jovem.

Ryan falou que tinha muitos companheiros no local e, provavelmente, tenha perdido algum amigo. “Ainda não sei quais se foram. Ainda não passaram as informações para a gente, colegas de alojamento e equipe”, comentou o jogador.

No ‘Ninho do Urubu’, em Vargem Grande, treinam tanto o time profissional do Flamengo quanto as equipes de base do clube. O incêndio começou por volta das 5h10 e foi debelado às 6h30, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

Anúncio