Atleta de Urucará, interior do AM, busca realizar sonho de competir no UFC

O atleta iniciou nas artes marciais praticando jiu-jitsu, em 2013, mas com o passar do tempo começou a se destacar nos treinos

Urucará – Jadson Moraes, natural de Urucará (distante 261 quilômetros de Manaus), é atleta de Mix Martial Arts (MMA), desde 2014, e atual campeão do Mr. Cage Championship, na categoria peso galo até 61 quilos. O amazonense, que conta com o apoio do Governo do Amazonas, por meio do Bolsa Esporte Estadual na categoria alto rendimento, inspira-se em grandes nomes do esporte para realizar o sonho de chegar ao Ultimate Fighting Championship (UFC).

(Foto: Julcemar Alves/Sedel)

O atleta iniciou nas artes marciais praticando jiu-jitsu, em 2013, mas com o passar do tempo começou a se destacar nos treinos e passou a buscar aprender novos estilos e modalidades de lutas. Jadson se inspira na forma de lutar de Anderson Silva, um dos grandes nomes da história do MMA, e espera entrar para o UFC como seu ídolo.

“Eu comecei no esporte com 20 anos, sempre tive o sonho de ser lutador. Comecei a acompanhar o Anderson Silva, sempre gostei do estilo dele, assistindo às lutas pela televisão e nasceu ali meu desejo de ser profissional no MMA e entrar para o UFC que é o maior evento de lutas do mundo”, falou o atleta.

blank

(Foto: Julcemar Alves/Sedel)

“O Governo do Amazonas tem o compromisso de apoiar Jadson e outros atletas talentosos do Amazonas, investindo em programas como o Bolsa Esporte Estadual, para que eles possam continuar treinando, competindo e alcançando grandes feitos no cenário esportivo nacional e internacional”, disse Jorge Oliveira, secretário de Estado do Desporto e Lazer (Sedel).

Jadson é o atual campeão do Mr. Cage, no peso galo até 61kg, para ele a mais importante e marcante de suas 11 vitórias. “Eu tenho 22 lutas no MMA, mas com certeza a mais marcante foi a conquista do meu cinturão no Mr. Cage. Gostaria de agradecer ao Governo do Amazonas, que por meio do Bolsa Esporte incentiva atletas a não desistirem dos seus sonhos e caminhar na jornada que é árdua e trabalhosa”, finalizou o amazonense.

Anúncio